Amor ligar

amor Frases románticas. Inicio Poemas de amor Frases románticas. Posando mis labios tiernamente sobre tu piel, recorriendo dulcemente tu calor, sintiendo poco a poco la fuerza salvaje de tu pasión, enamorados de nuestros cuerpos. **** Sentir tus labios en medio de la soledad, de tu soledad tan dichosa, de tu mirada enamorada, de tus caricias ... Chat Amor ♥ Ligar y citas ♥ tricks hints guides reviews promo codes easter eggs and more for android application. Avoid Chat Amor ♥ Ligar y citas ♥ hack cheats for your own safety, choose our tips and advices confirmed by pro players, testers and users like you. Ask a question or add answers, watch video tutorials & submit own opinion about this game/app. Encontrar chicas y mujeres solteras, conocer chicas y mujeres solteras, separadas o divorciadas gratis que buscan pareja, una cita, ligar o quedar para salir por tu ciudad. Simpatia para o amor ligar em 24 horas . Nem sempre quando ocorre um término os dois estão certo da decisão tomada. Muitas vezes a pessoa pede um tempo por uma briguinha boba ou por impulso. Dias depois bate aquele arrependimento e a vontade de ter a pessoa amada de volta só aumenta. Se você é uma dessas pessoas que está passando por ... ¿Cuál es el mejor sitio para ligar? Nunca se sabe, pero hay un gran consenso en identificar a determinados ambientes como los mejores sitios para ligar, aquellos en los que hay mejor predisposición de la gente para ligar. Lo que contamos seguidamente forma parte de investigaciones de psicólogos e investigadores sociales que han pasado los últimos años estudiando las relaciones humanas en ... Frases graciosas para ligar por whatsapp ¿Crees en el amor a primera vista o tengo que volver a pasar delante de ti?. No es el whisky ni la cerveza, eres tú quien se me ha subido a la cabeza. Ya conseguí tu whatsapp, ahora quiero lograr entrar a tu corazón. Dile a tu madre de mi parte que me muero de ganas de que sea mi suegra. Hoy en día, saber ligar en Tinder parece ser una habilidad necesaria, pues con todas las posibilidades que ofrece, son muchos quienes apuestan por esta app. El amor en los tiempos de Tinder es diferente, algunos dicen que rápido, otros que turbulento. Frases de amor para enamorar o regalar a tu pareja. Enamora con las mejores frases de amor originales y románticas. Frases de amor Frases románticas. Inicio Poemas de amor Frases románticas. No puedo mirar tus ojos sin sentirte, sin llorar de emoción por tenerte, sin regalarte mis lágrimas por existir. No puedo dejar de mirarte, porque ... No artigo de hoje você irá aprender a fazer simpatias para o amor ligar no mesmo dia ou na mesma hora. Continue lendo e confira mais abaixo. Muitas vezes algumas situações nos tomam de grande carência. Nesses momentos tudo o que a gente mais deseja é que a pessoa que a gente ama esteja ao nosso lado para nos dar seu carinho e proteção. Algumas vezes essas pessoas estão longe e não ... El amor online es verdadero, compruébalo en la sala de chat de amor. Ligar y conocer chicas y chicos es muy fácil. Muchos hombres y mujeres están buscando conocer su futura pareja o novia. Un chat donde podrás crear tu perfil con foto, miles de usuarios visitan nuestra app día a día, te invitamos a que seas un miembro mas de nuestra ...

Meu ex namorado estragou tudo e esse foi o maior favor que ele já me fez!

2020.09.19 21:37 niallwhore Meu ex namorado estragou tudo e esse foi o maior favor que ele já me fez!

Segura que lá vem o textão com meu relato e uma mensagenzinha motivacional pra quem ta sofrendo por quem não te merece. :}
Esse ano eu conheci um rapaz por quem me apaixonei muito. A gente namorou por 5 meses e tivemos um relacionamento extremamente abusivo: ele me acusava constantemente de traição, não queria passar os finais de semana comigo, me agredia verbalmente, era obcecado com instagram e vivia brigando comigo por coisas fúteis relacionadas a redes sociais, não deixava eu ter amigos, não me avisava com antecedência quando ele ia sair pra visitar a amiga dele, sempre brigava comigo, ficava bravo quando eu comprava coisas pra mim, colocava palavras na minha boca, não confiava em mim nunca, ficou do lado do cara que me abusou psicologica e fisicamente - ao invés de acreditar em mim, ele ficava jogando essa história na minha cara como se eu tivesse culpa, além de tudo ele tinha CIÚMES do cara que me abusou. Enfim, comi o pão que o diabo amassou.
Foram 5 meses levando porrada, até que um dia ele desistiu de mim e terminou comigo. A justificativa dele era que eu ficaria melhor sem ele - ao invés de tentar trabalhar as coisas que estavam ruins, ele decidiu fugir. Ele terminou comigo umas 10 vezes enquanto a gente namorava e depois voltava atrás, mas essa última vez eu fui forte, peguei as palavras dele, aceitei o término e não voltei atrás.
Lidar com esse término tem sido extremamente difícil, porque eu ainda o amo demais, eu sinto falta dele todos os dias. Porém, desde que ele terminou comigo eu me apeguei aos meus amigos que se importam comigo, me reaproximei dessas pessoas e aprendi a ser um bom amigo novamente e estar ali pra eles.
Perder o direito de ter amigos quando eu namorei me fez valorizar muito mais as minhas amizades. É muito ruim e assustador não ter ninguém.
Estou passando por maus bocados, mas eu fico muito feliz de ver que não estou sozinho, sabe? De ter meus amigos e minha mãe me apoiando e me fazendo sentir como uma pessoa boa novamente (porque quando eu namorava ele fazia acusações tão graves sobre mim que saí me sentindo o pior monstro do mundo).
É bom demais desabafar com as pessoas próximas e não ouvir como resposta um “fica tranquilo que vai dar tudo certo” ou não me culparem por estar me sentindo mal e brigarem comigo igual meu ex fazia.
Eu estou podendo jogar videogame de novo, e não fico mais triste de passar os domingos sozinho, porque afinal eu estou solteiro, e ta tudo bem. Além de tudo, todo o espaço vazio que o fim do relacionamento deixou, eu estou usando para desenvolver projetos pessoais e profissionais, inclusive tenho uma amiga que ta me apoiando e me inspirando muito a explorar cada vez mais os meus potenciais.
Meu ex se arrependeu muito de ter terminado comigo e deixou claro várias vezes que faria de tudo pra me recuperar. Ele me disse que mudou, que se voltássemos a namorar tudo seria diferente, etc. Por mais atrativo que isso fosse, porque eu ainda o amava (e ainda o amo), eu fui forte e sempre tentava lembrar de tudo que eu fui forçado a deixar de lado porque ele mandou. Sem contar que o fato de ele ter me culpabilizado e me feito lembrar tantas vezes do abuso que sofri foi algo que eu não consegui perdoar.
Enfim, as semanas foram passando e depois de tantos surtos, indiretas injustas sobre mim que ele ficava postando nas redes sociais, entre outras coisas como o fato de ele ter ido brigar com uma amiga minha porque ela deu unfollow nele no instagram e de ele ter seguido um conhecido meu e dado block nele em sequência, as coisas foram acalmando um pouco. Ele parecia realmente estar mudando, e obvio que isso mexeu com meu coraçãozin de gado.
Embora não tivesse sido o bastante pra eu voltar pra ele, foi algo que me fez não querer afastar e tirar ele da minha vida. Eu deixei uma janelinha aberta pra ele entrar, caso se comportasse. E depois de vários dias que a gente estava se dando bem, eu decidi que iria acompanhar ele em um exame que ele ia fazer e ele falou que queria que eu fosse junto.
Eu fui acompanhá-lo e na hora de ir embora, ele disse que queria voltar pra mim e tal. Então eu conversei com ele durante horas com a maior honestidade sobre tudo que eu tava sentindo, e eu concluí a conversa dizendo a ele que se eu realmente sou o amor da vida dele e se ele realmente estivesse mudando, o tempo eventualmente iria mostrar e a gente iria acabar ficando juntos se fosse para ser. Ele disse que estava disposto a deixar o tempo mostrar que ele estava falando a verdade, então embora a gente não tenha decidido se afastar de vez nem voltar, a possibilidade tava ali no ar caso ele quisesse agarrar.
A conversa foi na quarta-feira. Quinta-feira eu segui no instagram um amigo de longa data com quem eu havia perdido contato. Em um plot twist bizarro, meu ex uma duas horas depois desse follow veio querer tirar satisfação comigo referente a este amigo que eu segui. Sendo que a gente tinha conversado sobre como esse tipo de comportamento dele era nocivo um dia antes.
Mano, eu fiquei puto com ele e me permiti surtar e falar o quanto que ele foi invasivo e o quanto essa situação foi fodida. Eu fiquei tão irritado com o que ele fez que não queria mais falar com ele. Ele me ligou algumas vezes durante a madrugada e mandou inúmeras mensagens implorando pelo perdão. Mas eu precisava ficar sozinho pra processar tudo aquilo.
É, galera, quando a gente ta apaixonado a gente é trouxa o bastante pra se decepcionar com a pessoa mesmo ela ja tendo vacilado com você inúmeras vezes antes.
Beleza né, no dia seguinte descubro que ele seguiu outro amigo meu com quem não tenho mais contato no instagram (e meu ex morria de ciúmes desse menino, porque nós já fomos muito próximos como amigos e tinha algumas fotos com ele no meu instagram). Além de ele ter dado follow no menino, eles trocaram vários likes em fotos. Eu vi aquilo e decidi que iria retirar meu ex das minhas redes sociais, eu chorei muito muito mesmo, mas beleza.
Menos de uma hora depois meu ex começou a me ligar de novo e implorar pra eu conversar com ele, porque ele não iria aguentar me perder e que precisava de mim. Eu primeiro tive que mandar uma foto minha chorando pra ver se ele acordava pra vida de que ele foi longe demais e depois fui bem grosseiro ao pedir para ele me deixar quieto. Ele disse que iria me deixar quieto, mas implorou pra eu não sumir de vez e encerrou com um “te amo, até”.
Depois dessa conversa fui conversar com esse meu amigo que ele seguiu no instagram, e o meu amigo disse que tinha conversado com meu ex pra tirar essa história a limpo (pra ver se ele ainda tava namorando comigo e tals) e meu amigo falou que meu ex disse que já tínhamos terminado e ele não queria mais ter nada a ver comigo. Além disso, meu ex falou sobre mim com deboche pra ele, como se o relacionamento tivesse dado errado e acabado por minha culpa.
Bom, gente, eu tinha tudo pra ficar arrasado com isso tudo, porque uns minutos antes o menino tava implorando por mim enquanto ele dava em cima de alguém que eu conheço e já fez parte da minha vida. Ele me acusou de traição durante 5 meses, e quem se provou um grande mentiroso e um traidor do mais baixo nível foi ele. Ontem eu finalmente entendi que ele tentava constantemente me diminuir e dizer que eu sou péssima pessoa, porque na verdade era ele quem fazia tudo isso e ele só estava projetando essas coisas em mim.
No final das contas, embora eu esteja muito triste, eu estou muito grato por ele ter estragado tudo e ter mostrado quem ele realmente é. Imaginem que merda se eu tivesse acreditado nele e voltado pra ele? Fico imaginando quantos chifres que eu levei durante esse relacionamento e fico muito feliz que todo esse abuso acabou.
Eu não estou contente, mas eu estou extremamente satisfeito que estou aprendendo a viver minha vida sem ele e me recuperando de um monte de merdas que aconteceram na minha vida (até antes mesmo de eu ter conhecido ele) ao lado dos amigos que se importam comigo e da minha família. Estou extremamente carente, mas eu nunca vou me submeter a voltar com alguém que me traiu dessa forma e ter esse conhecimento é tudo de bom, é libertador saber que quem mais apontou pra mim é a pessoa que mais fez as cagadas que falava que eu fazia.
Tudo isso pra eu dizer, meus amigos, que tudo bem sofrer por amor. Sua vida vale muito mais que um relacionamento abusivo ou alguém que te ilude. Se você ta malzão ou malzona porque seu amor te maltrata, te humilha, trai ou mente pra você, aprenda a se amar em primeiro lugar porque você tem potencial de fazer coisas incríveis! Onde há vida, há potencial.
Se você ta se sentindo sozinho se apegue aos seus amigos, se não tem amigos se apegue a sua família. Vai conhecer gente nova, às vezes perder uma pessoa nos faz sentir que estamos perdendo o nosso mundo, mas nós ainda teremos um universo inteiro para explorar.
submitted by niallwhore to desabafos [link] [comments]


2020.09.13 01:03 Rough_Wishbone_6024 Encerrando Ciclos


Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final. Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver. Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos - não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedido do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?
Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu. Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seu marido ou sua esposa, seus amigos, seus filhos, sua irmã, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco. O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora. Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem. Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração - e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.
Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se. Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos. Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.
Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do “momento ideal”. Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará.
Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante. Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é.
submitted by Rough_Wishbone_6024 to desabafos [link] [comments]


2020.09.10 23:51 Helamaa 😳👉🏻👈🏻

a carência tá imoral e eu tô procurando uma namoradinha, se vcs conhecerem alguma mina que tenha esses requisitos, me avisem redpillada channer, dogoleira, wgtow, ancap, , jogadora de poker, bv, virgem, sem amigos, crente, fã da UDR,magrela, footlet,escuta Chico Buarque, weeabo, hikkimori, otaku, gameri, hetero,federal,trader de bitcoin,hacker, defacer, cubista, penspinner, recordista de memorização de baralhos, timida, mãe de pet, hidratada, não consumidora de açucar, saudável, youtuber, netolover, pooper, cambista, shitposter, anarquista, materialista, roquista, travesquista, mono talon vlogger, blogueira, e-girl, intolerante a lactose, intolerante a gluten, grinder e hipnóloga, fiel, niilista existencialista, metaleira, headbanguer, pelo no suvaco, patriota, masoquista, ballbuster, jogadora de minecraft, buceta fedida, que não tenha medo de chuta minhas bolas pelo amor de deus eu nao consigo encontrar uma menina pra chutar minhas bolas por favor deus eu imploro nao agusnto mais isso nao eh um meme porque voces tem medo de me chutar no saco. Raça: nórdica Altura: 170cm+ Pele: 1 ou 2 (Fitzpatrick) Olhos: 7+ (Martin) Cabelos: qualquer cor, mas apenas lisos ou ondulados (FIA) Nariz: reto ou virado para cima Crânio: dolico ou mesocefálico Óculos: não Aparelhos: não Queixo furado: não Covinhas: não Orelha presa: não Orelha de abano: não Franja em V: não Pelos no corpo: muito pouco Tatuagem: não Graduação: apenas cursos voltados à pesquisa Faculdade: apenas bem conceituadas Habilidades matemáticas: sim Idiomas: fluência em inglês e mais outro idioma Álcool, cigarro, drogas: não, nenhum Personalidade: introversão Cultura: europeia ocidental RELIGIÃO: Cristã Ortodoxa Gostar de escutar rogério skylab:
Para ser sincero, você precisa ter um QI muito alto para entender Rogério Skylab Para ser sincero, você precisa ter um QI muito alto para entender Rogério Skylab. O humor é extremamente sutil e, sem uma compreensão sólida de filosofia moderna, a maioria das piadas vai passar despercebida pelo telespectador médio. Há também a visão niilista de Rogério, que está habilmente tecida em sua caracterização - sua filosofia pessoal se baseia fortemente na literatura de Nododaya Volya, por exemplo. Os fãs entendem essas coisas; eles têm a capacidade intelectual para realmente apreciar a profundidade dessas piadas, para perceber que elas não são apenas engraçadas - elas dizem algo profundo sobre a VIDA. Como conseqüência, as pessoas que não gostam de Rogério Skylab são verdadeiros idiotas - é claro que eles não apreciariam, por exemplo, o humor no bordão existencial de Rogério "Chico Xavier é viado e Roberto Carlos tem perna de pau", que é uma referência criptíca para o épico Pais e Filhos do russo Turgenev. Estou sorrindo agora mesmo imaginando um desses coitados simplistas coçando a cabeça em confusão enquanto as músicas se desenrolam na tela de seu computador. Que tolos… como eu tenho pena deles. E sim, a propósito, eu tenho uma tatuagem do Rogério Skylab. E não, você não pode vê-la. É só para os olhos das damas. E mesmo elas, precisam demonstrar de antemão que possuem um QI com diferença absoluta de no máximo 5 pontos do meu (de preferência para baixo).
Rotina, Habitos e interesses: Nofap + Banho Gelado + comer carne crua + comer virado pra parede + biohack + dormir no chão + Jordan Peterson + mewing + HBD + PUA + jelq + dormir 5 horas por dia + café gelado sem açúcar + hipismo + compilação mitadas Enéas + alho cru + podcast do Joe Rogan + redpill + Brain Force + Jejum + meditação iasd + músicas para concentração, foco e inteligência + teste de QI da internet + grupos de linhagem viking do facebook + ficar longe do poste de internet 4G + youtube do varg vikernes + essência de morango da turma da mônica no narguilé + jogar vape na cara de todo mundo que tentar entrar no bloco da faculdade + 5 segundos de calistenia no deserto do atacama + darkcel + óculos do aécio na foto de perfil + ler quotes do nietzsche no brainy quote + criar galinha no quarto sem os pais saberem + Alho cru + uma colher de azeite quando acorda e outra antes de dormir + jejum de 24hrs a cada 72hrs + assistir VT no premiere logo que chega do estádio + canal Ultras World + LibreFighting + Operation Werewolf + comprar os artigos do Paul Waggener + Centhurion METHOD + humilliation exposure com a finalidade de criar uma crosta na sua mente capaz de desenvolver uma resiliência que resiste à humilhação como se ela fosse nada + tomar banho descalço em chuveiro de academia com chão mijado + musculação caseira + hackear o sono + Empreender + 10 livros de auto ajuda por mês + PUA + Selo super fã da fúria e tradição + Biokinesis + 432hz music + Mexer o pau sem piscar o cú + meditação transcendental + veganismo + minoxidil para cultivar uma barba + filmografia Jason Stataham + assistir vikings + redpill + ir no cinema sozinho + treino saitama + coach quântico + enema de café + dieta lair ribeiro + agua alcalina + O Método de Wim Hof + sabedoria hiperbórea + artigos da Nova Resistência + Biblioteca do Dídimo Matos + dormir virado pra patede assoviando no escuro pra espantar o curupira + dar 3 pulinhos toda vez que levantar da cama + dizer amém quando um 1113 azul passar por você na rua + 100 flexões por dia + 6 meses de jelq + injaculação guiada + sociedade thule + energia vril + chapéu de alumínio para se proteger das armas psicotronicas emitidas pela CIA + caderno de anotações smiliguido + pedir a bênção ao carteiro toda segunda de manhã + 3 horas de academia + 4 horas de corrida + mascar café + exercícios penianos do Dr. Rey + maratona saga Rocky + trilha sonora saga Rocky + trilogia Mercenários + filmes do Jason Statham + assoviar o hino do Palmeiras de ponta-cabeça + intro do Canal do Nicola em loop + palestras do Antonio Conte + vídeos do Rodrigo Baltar + dicas do Gustavo Gambit + aulas de italiano + dormir ouvindo Ultraje a Rigor + ler Walden pelado na mata atlântica de madrugada + ouvir músicas em velocidade aumentada + canto gregoriano árabe + ensinar hino do botafogo pra calopsita + fritar comida com banha de porco + assistir videos de situaçoes de risco com a finalidade de se preparar para o perigo + Terapia Holistica com formandos da UFPR no Jardim Botânico + Radiestesia para harmonizar vibração da casa + Metatron 432HZ no YouTube entoando a oração EU SOU + ler O Código da Vinci + Jesus Quântico + Barra Fixa na praça de madrugada escutando audiolivro do Jordan Peterson na voz do cara dos Fatos Desconhecidos + grupo POPEYE AFIANDO A PIKA + MyInstants AEEE KASINAO + Memes do Fausto Silva + ler O Evangelho dos Animais + stories do Copini no Instagram + Canal SocialGames7 com Gustavo Gambit e CIA + textos de Raphael Machado (Nova Resistência) + ser ex-membro do grupo Comunismo Ortodoxo + Monja Coen + Fazer origami com papel do bis + perder dinheiro com maquina de pegar ursinho + fumar palheiro com o avô + quebrar palito de dente no meio depois que usar + rezar Pai Nosso em aramaico + tentar se comunicar com o ashtar sheran + virar catequista e passar Plínio Salgado para as crianças + Limpeza de 21 dias de São Miguel Arcanjo + arrancar a fimose comendo cu apertado de galinha caipira + Regata branca WifeBeater com calça jeans clara e bota marrom + Ingressar na legiao estrangeira + Comprar toras de eucalipto pra reproduzir o centurion method mas nunca começar o treinamento + vender máquina de cartão de crédito + ler os escritos do Unabomber + Escutar a discografia do Paul Waggener + ler todos os livros do Pavel Tsatsouline + ouvir rap eslavo de cunho político suspeito + café com um cubo de manteiga dentro precedendo a primeira refeição do dia + beber 2L de leite por dia + Stronglifts 5x5 + Dieta Cetogênica + Canal Jason PROJETO GIGA + Cd do TRETA + comprar torre de chopp no prensadão + 2 cápsulas de Tadalafellas antes do sexo + só comprar comida japonesa importada pra dieta + comer arroz sem sal com peixe cru sem tempero enrolado em folha do fundo do mar + memes da página Dollynho Puritano + Deus Vult na capa do Facebook + acessar o dogolachan pelo computador da escola pra postar fanfic gay do Gilberto Barros + Trollar atendentes do mcdonalds no habbo hotel + ligar para o Motel Astúrias perguntar quando custa a bolacha Bauducco que aparece no site + Mandar entregar pizza na Rua dos Tamoios casa n°18 com portão vermelho + cosplay de russo no Omegle pedindo pra mostrarem a bunda + Dormir imaginando uma linha pra fazer viagem astral + recitar Homero pra mendigo + tomar antibiótico no café da manhã + Meditar imaginando o raio de luz violeta que representa a energia transmutadora + Workshop Reiki do Canal Luz da Serra MULHERES TERRAPLANISTAS RALEM.
Primeiro de tudo! Vai tomar no cu, MULHERES terraplanistas! Junto com todas que me contrariaram nos últimos meses falando "dur hur você não sabe nada de paleontologia, vai assistir seus desenhos filipinos e não encha o saco". TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! LERAM DIREITO? TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! A farsa ficou tão óbvia, que eles não tem mais como esconder que TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! Alguns mais penas, outros menos penas, MAS TODOS TEM. E aproveitando no mesmo vídeo, NÃO TEVE METEORO PORRA NENHUMA! Provavelmente as mudanças climáticas naturais, junto com a separação gradual dos continentes, é que extinguiu a mega-flora e a mega-fauna. E se teve algum meteoro, apenas acelerou o processo em uma região muito especifica. Agora só falta as ((especialistas)) e a (((Academia))) admitir que dinossauros nunca existiram e que foi tudo um erro grotesco de interpretação de pessoas que não sabiam que caralhos eram aqueles esqueletos. São apenas aves e mamíferos ancestrais de milhões de anos atrás. E antes que eu me esqueça, vai todo mundo que me contrariou tomar no cu!
GOSTAR DE MIM POR QUEM EU SOU E NAO PELA MINHA APARENCIA
Sério, de verdade, ser uma pessoa bonita não é fácil em nossa sociedade atual; não é só os olhares de desejo das mulheres e dos homens que me incomoda, e sim, o fato de ser só isso para as pessoas. Sou muito mais que apenas um cara bonito. Tenho qualidades além dessas, e saber que as pessoas não ligam para elas, pois estão entorpecidas de anseio pela minha formosura, me entristece muito.
Não suporto mais ser bonito. Tudo que eu queria era poder nascer de novo num corpo de uma pessoa feia, pois sério, vocês não sabem como me dói saber que por culpa de algo que nasceu em mim (a incrível beleza), serei rotulado eternamente por isso.
Eu trabalho, estudo, procuro, conheço, aprendo! Sou um ser-humano como qualquer outro e não só mais um rostinho bonito.
Pergunta antes de eu poder te namorar: Você é ocultista?
Essa é a pergunta de um milhão de dólares que raramente vejo sendo feita.
Se você ainda não for, pra se tornar minha namorada precisará ser e aqui está como fazer isso
É fato que a maior parte da literatura especializada ocidental acredita em Deus e Cristo, somente olhando-o por uma lente diferente. Não há um ritual que lhe aproxime de Deus, as coisas raramente são tão simples. Entretanto, com estudo e meditação o caminho começa a ficar mais claro.
Entenda que não sou nenhum senhor da verdade, e o que te falo hoje posso descobrir ser mentira amanhã. Saiba também que um dos maiores problemas desse meio é a falta de um início claro, sendo as obras tidas como introdutórias porcarias completas. Dito isso, lhe respondo o seguinte:
  1. O caminho mais completo para se aproximar do que você quer começa com noções do pensamento Helênico. Entenda que boa parte da visão de mundo cristã vem da antiguidade clássica, principalmente as noções de harmonia e belo. Não te peço para ler tudo o que já foi jogado ao chão pelos gregos, mas saiba um pouco das origens das coisas. Tenha uma ideia básica dos quatro humores gregos, e que essa é uma das origens para atribuirmos personalidades aos elementos da natureza. Entenda um pouco dos seus deuses e Cosmos, porque eles serão utilizados no futuro de forma metafórica em textos. Saiba que quando aparecer um hermafrodita em um texto especializado não há conexão com desvios modernos, mas com um simbolismo mais antigo (Salvo engano, sua origem é Platônica. Mais especificamente, O Banquete, durante os discursos sobre amor).
  2. Entenda que boa parte da origem da magia ocidental vem da confluência da cultura grega com a egípcia, incluindo a alquimia. A tábua esmeralda é um texto obrigatório. Leia um pouco sobre o Axioma de Maria, A judia. Aprenda um pouco da simbologia alquímica, porque será importante para você no futuro. É dentro da alquimia que irão discursar sem final sobre a trindade (pelo menos os da corrente de Paracelso). Não se pretenda nenhum mestre dos espagíricos, porque os químicos farão isso melhor do que você. Entenda que não havia essa separação absoluta entre o material e o espiritual, então os dois conhecimentos andaram juntos ao decorrer da história. Entenda também que haviam escritores voltados especificamente para a alquimia espiritual, enquanto outros à química.
  3. Estude a Cabala. Eu entendo que para alguns seja difícil dar atenção à Cabala Judaica com o surto conspiracionista chanístico sobre a índole de todo um povo, mas querendo ou não o judaísmo é o Pai da fé cristã, sendo Jesus judeu. Entenda que a árvore da vida é um estudo sobre Deus e suas emanações, e dela virá uma boa parte de seu conhecimento.
  4. Leia as coisas atuais sobre o assunto. Dê atenção aos escritores herméticos, principalmente.
Ocultismo é um saco, pelo menos se você for estudar seriamente. Você pode perder a vida se tiver um projeto ambicioso como se aproximar de Deus.
Você também pode pular algumas etapas no que te falei. Sobre a parte do pensamento grego, saiba que boa parte é "dispensável". Dito isso, recomento que entenda um pouco sobre o funcionamento do Cosmos de Ptolomeu. Entenda também alguns dos símbolos planetários, porque seu entendimento irá lhe ajudar no futuro.
Pra me namorar também tem que gostar dos animes:
Akame ga Kill! Akarui Sekai Keikaku Ana Satsujin Asu no Yoichi! Azumanga Daioh Balance Policy Black Cat BlazBlue: Remix Heart Chichi ga Loli na Mono de Choujigen Game Neptune: The Animation - Dengeki Comic Anthology Come Come Vanilla! Criminale! Dog Style Domina no Do! Eden no Ori Evangelion Fullmetal Alchemist K-on! Naruto Shingeki no Kyojin Yu-gi-oh
Sobre assistir Yu-gi-oh; quando eu era adolescente, gostava (na época que passou na TV Globinho e era moda), mas hoje em dia não gosto mais; então não assistiria de novo.
Quanto às minhas lembranças marcantes de Yu-gi-oh:
Em 2003, Yu-gi-oh era moda e todo mundo na escola da quinta e da sexta série jogava com cartinhas piratas, já o pessoal da sétima e da oitava não se interessava. A propósito, em 2003 tiveram duas grandes modas de brinquedos baseados em animes, cartinhas de Yu-gi-oh e Beyblade. Outro brinquedo que todo mundo da quinta e da sexta série levava pra escola em 2003 depois que passou a moda de Yu-gi-oh e começou a moda da Beyblade era a Beyblade.
Outra lembrança marcante que tenho de Yu-gi-oh é que em 2003 na escola o pessoal criava suas próprias cartinhas, fazendo desenhos e estatísticas.
Fujimura-kun Mates Gantz Gou-Dere Bishoujo Nagihara Sora♥️ Higurashi no Naku Koro ni Kai: Matsuribayashi-hen Hitsugi no Chaika Ichigo 100% Ichinensei ni Nacchattara In Bura!: Bishoujo Kyuuketsuki no Hazukashii Himitsu Jigokuren: Love in the Hell Jinzou Shoujo JoJo no Kimyou na Bouken Part 4: Diamond wa Kudakenai JoJo no Kimyou na Bouken Part 5: Ougon no Kaze JoJo no Kimyou na Bouken Part 6: Stone Ocean JoJo no Kimyou na Bouken Part 7: Steel Ball Run Kaibutsu Oujo Lucky☆Star Mahou no Iroha! Mahou Tsukai Kurohime Monster Hunter Orage Mujaki no Rakuen Needless Zero Nyotai-ka Onihime VS Oretama Perowan!: Hayakushinasai! Goshujinsama♪ Re:Marina Rosario to Vampire Saitama Chainsaw Shoujo Sankarea School Rumble Shingetsutan Tsukihime Shocking Pink! Shurabara! Sora no Otoshimono Sora no Otoshimono Pico Akame ga Kill! Ana Satsujin Asu no Yoichi! Azumanga Daioh Balance Policy Black Cat BlazBlue: Remix Heart Chichi ga Loli na Mono de Choujigen Game Neptune: The Animation - Dengeki Comic Anthology Come Come Vanilla! Dorohedoro Nekopara Pet Toaru Kagaku no Railgun Magia Record: Mahou Shoujo Madoka☆Magica Gaiden Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei shitemita.Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei shitemita. Isekai Quartet 2Isekai Quartet 2 Ishuzoku Reviewers Somali to Mori no Kamisama Eizouken ni wa Te wo Dasu na!Eizouken ni wa Te wo Dasu na! Itai no wa Iya nano de Bougyoryoku ni Kyokufuri Shitai to Omoimasu.Itai no wa Iya nano de Bougyoryoku ni Kyokufuri Shitai to Omoimasu. Jibaku Shounen Hanako-kun Haikyuu!!: To the TopHaikyuu!!: To the Top Darwin's GameDarwin's Game Kyokou SuiriKyokou Suiri Plunderer
PRE REQUISITO: GOSTAR DE FILMES DE FAROESTE.
IMPORTANTE: Se você gosta de filmes de super heroi, pare de ler e va se foder.
Se você é assim, fique longe de mim.
NÃO QUERO AS MULHERES QUE: As que falam palavrões As que fumam As que usam drogas As que postam foto com bebida Que bebem (menos 🍷, isso é coisa de dama) As que vão para balada, festa, rave etc As que postam foto com decote ou sensuais
Há uma coisa que eu quero que você entenda sobre nós os homens.
Quando você colocar uma foto sua nua no facebook, fazendo uma pose gostosa, mostrando os seios ou como vemos em várias fotos mostrando o bumbum ou deitada sedutoramente em sua cama, a única coisa que você faz é que as pessoas tenham desejo sexual por você, claro em A maioria dos casos por parte de homens.
Eu sei que você vai ficar tão emocionada com os 500 likes, 120 comentários e as inúmeras mensagens privadas! Você vai querer postar cada vez mais fotos para se sentir cada vez mais no topo.
Mas há algo importante que você precisa saber:
Na verdade nenhum desses caras que gostam, comentam ou enviam mensagens privadas te ama. Tudo o que eles querem é usá-la e depois atirá-la para o lixo, para ser honesto nenhum deles a levaria para sua casa para ser sua esposa, acredite em mim, você para eles não é mais que uma menina de programa em busca de popularidade barata No Facebook.
Os homens ricos os que tem o que você procura "dinheiro" ou os pobres admiram as mulheres que se vestem com decência e se respeitam. Uma vestimenta decente que não revela muito o seu corpo, leva-os a amar e a respeitar-te, isto a simples vista nos diz que és uma mulher virtuosa, alguém a quem se pode levar para casa para ser esposa e mãe.
Isto em muitos casos diz-lhes que você foi criada com princípios morais e lhes dá detalhes do seu bom histórico familiar.
Eles não se preocupam muito com a maquiagem excessiva, uma mulher digna de propor casamento sempre se distingue do monte, não importa como.
Valoriza seu corpo, lembre-se que para encontrar diamantes é preciso cavar, respeita, e um verdadeiro homem vai te respeitar de um modo ou de outro.
Mas você terá muito respeito: Mulher, não mostre seu corpo no facebook, você não sabe que tipo de pessoas, venha suas coisas, você é uma mulher bela, não precisa de fotos, nem mostrar tanto, você pode conquistar com sua simpatia, com seu educación con seu sonrrisa,
As que já ficaram com amigos seus, ou que ficam com mais de 3 em um único ano As que não trabalham ou estudam (ou que estão em um curso irrelevante de humanas) As que não sabem o básico de uma casa, como lavar, passar roupa, cozinhar, trocar fralda, etc As interesseiras As que estão pedindo presentes sempre As que já estão comprometidas As não gostam de crianças ou dizem que não querem ter filhos (pessoas que não querem ter filhos não são confiáveis) As que tem piercing de bufalo
submitted by Helamaa to smurfdomuca [link] [comments]


2020.09.05 00:15 paularenata016 Eu n sei merecer o amor das pessoas

Por um longo tempo sempre achei q eu precisaria da aprovação das pessoas sobre a minha pessoa, ligar pros comentários q fazem sobre mim ou ser quem eles querem q eu seja bem no fundo ainda sou assim confesso. Comecei a namorar um cara incrível recentemente, eu tento mudar, querer merecer o amor dele, nao só dele, dos meus pais, amigos e irmãs. Meu amigo sempre se impressiona quando eu digo q tudo oq me acontece de ruim eu mereço, pra mim isso virou tão comum q sla virou rotina falar N sei dar fim nisso pq ainda to mt confusa com tudo Hj meu namorado pegou uma conversa com um "amigo" e chorei muito mas nem tive coragem de pedir desculpas, n mereço o amor dele... 😢
submitted by paularenata016 to desabafos [link] [comments]


2020.09.04 05:56 123FF456 Estou prestes a abandonar um amigo que vai se matar

É isso mesmo. Já desabafei aqui com outra conta e por N motivos (parentes doentes, emprego, quarentena, etc), não tenho tanto tempo assim pra cuidar do meu amigo.
Pra não parecer que eu sou tão escroto assim, vou explicar a história de forma bem resumida. Esse meu amigo desde sempre teve uma vida difícil, não no sentido material. Ele mora atualmente com a mãe, a irmã e o padrasto mas não tem uma relação boa com ele. A mãe dele também parece que não se importa com ele. Entendo o lado da mãe dele de certa forma pois ela sempre foi dona de casa e nunca trabalhou (até onde eu sei), de modo que se ela separar do padrasto dele, provavelmente ela não vai ter pra onde ir e também não vai conseguir sustentar os filhos.
Enfim, já tiveram umas tretas brabas envolvendo o menino, inclusive caso de polícia e a mãe dele não mexeu sequer um dedo pra defender o cara. Hoje em dia ele é concursado e tem um emprego estável mas há um tempo ele se divorciou pois descobriu que a esposa traiu ele. Durante essa época ele me relatou que só não se matou porque conversou comigo no telefone durante uma noite quase inteira.
Já tem um tempo que ele começou a se envolver com outra garota e essa garota aparentemente também não é flor que se cheire. Eu nunca falei com ela, mas pelo que eu sei da situação ela tá controlando ele de um jeito bizarro, chegando até a fazer o cara trabalhar pra ela e a fazer coisas da faculdade nesse período de quarentena. O pior de tudo é que ela bloqueia ele e desbloqueia quando precisa que ele faça alguma coisa e todo mundo menos ele percebe que isso só tá fazendo mal pro cara. A solução é óbvia, mas após eu e mais alguns amigos falarmos pra ele se separar da garota pelo menos umas 10 vezes já sabemos que não vai adiantar.
Pra complicar um pouco mais a situação, a mãe dele passou a me ligar de vez em quando nos momentos em que ele tem esses ataques e acha que eu vou resolver a parada. Hoje mesmo quando estourou outra crise eu fiquei sabendo que a família dele viajou e deixou ele em casa sozinho. Inacreditável, a mãe dele me falou que insistiu pra ele viajar com ela mas que ele não quis e daí ela viajou assim mesmo e deixou o cara em casa. Pelo amor de deus, né? Aí me liga agora perguntando se eu não posso tentar dar uma passada na casa dele ou pelo menos tentar falar com ele pra acalmá-lo.
A real é que ninguém mais tem paciência pra falar com o cara e provavelmente ele acabará morrendo por causa disso. Ele tinha começado a ir no psicólogo, no psiquiatra e a tomar medicação, mas a irmã dele falou que essa semana ele não foi. Ele ainda não entendeu que esses remédios tarja pretas não são que nem antibióticos e que não é só tomar por 1 mês pra ficar bom. Muito embora eu ache que ele só esteja fazendo isso pra chamar a atenção, não tem como ter garantia de que ele não vai se matar só porque já ameaçou algumas vezes antes e não fez nada.
Eu consegui entrar em contato com ele e ele estava transtornado, dizendo que não entendia porque a mãe dele tinha ligado pra mim e falado pra eu falar com ele, e falou que não entendia porque ele tinha que ficar dando satisfação pros outros, muito embora ele tenha feito isso espontaneamente e faça isso constantemente nas redes sociais. Esse lance de buscar validação social nas redes sociais é uma bosta e só atrapalha.
Bom, meu pai também está realizando tratamento de câncer aqui e eu tenho outras preocupações. Estou em paz com a minha decisão e seja o que deus quiser.
submitted by 123FF456 to desabafos [link] [comments]


2020.09.02 13:44 whoismelissax Tio babaca e agressor

Meu tio casou com a mulher dele antes de eu nascer e tiveram dois filhos. Não é novidade pra ninguém que ele vivia traindo a esposa (que por acaso é um amor de pessoa) eles vivem terminando e voltando pq de acordo com ela ele "mudou". Minha prima sempre me fala de como ele trai a mãe dela e vive chegando em casa tarde e bêbado. Da última vez que eles terminaram ele disse q realmente tinha mudado, conclusão ele se finge de evangélico pra mulher. No ínicio desse ano uma prima minha falou que o Ricardo (meu tio) tinha batido na esposa. Quando outra prima minha me falou isso na mesma hora quis denunciar aquele escroto, falei com uma tia minha o que eu tinha descoberto e ela só disse: "Se você fizer isso a família vai ser destruida e o seu primo vai virar um drogado." No final eu falei com a minha prima pra que se isso acontecesse de novo, ela ligava pra policia na hora.
Ela tentou ligar pra policia e não deu em nada.
Enfim, hoje ele quase n aparece na família e se aparece é bêbado, o filho dele é ainda mais escroto e a filha tá praticamente sem pais.
submitted by whoismelissax to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.02 06:15 sanz10 Sou babaca por disfarça minha sexualidade, ou a falta de uma com uma pessoa que gostava muito de min?

Eai luba, editores, possível convidado e turma :3. Bom no meu colégio tem um coisa chamada projeto juvenil, eu tinha um onde eu ensinava, ou pelo menos tentava ensinar as pessoas a tocar violão, e teve um dia onde umas das monitoras foi no meu pj pra ver se tava tudo certo, e ela começou a interagir demais comigo tipo chegar perto demais de min ficar me tocando e etc, e eu meio que sou frescurento com isso, eu não gosto que a pessoa invada meu espaço pessoal e fique me tocando e etc, mas na época que eu e ela se conheceu, todo mundo achava que eu era gay, por ter recusado ficar com algumas garotas, e a verdade é que eu sou assexual, eu não gosto e nem tenho interesse em relação sexuais e nem em ENFIAR MINHA LÍNGUA NA GARGANTA DE OUTRA PESSOA. Então, ela começou a se aproximar demais, e eu vi uma chance de disfarça minha sexualidade ou a falta de uma kskss, com ela. E foi aí que a gente começou a ficar, e ela começou com uns papo que me amava, me chamar de amor e começou a ligar muito para meu telefone, e eu sempre dava uma desculpa falando que eu tava dormindo ou estudando. Só que teve um dia que eu falei pra ela que eu não sentia nada por ela, e ela disse que não se importava e esperaria eu começa a sentir algo, só que depois disso eu vacilei e comecei dar esperança pra ela chamando ela de amor e etc, e ela foi se empolgando chegando até a recusar pedidos de pessoas querendo ficar com ela, aí eu decidir acabar tudo por ali mesmo, mas sem revelar que eu sou assexual... Se der certo eu mando os print:) Haa lembrei MiNHa PRimeIrA VEz AQuI, um bj se vc quiser :3.
submitted by sanz10 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.02 01:07 Lootlance Minha mãe me escutou falando sozinho

Texto bem informal mesmo, ainda mais porque aconteceu faz menos de uma hora e estou bastante afetado.
Então, meus pais geralmente chegam em casa à noite devido ao horário de trabalho e, como atualmente faço apenas faculdade, passo a maior parte do dia estudando. Assim, mesmo depois das aulas de EAD, vejo assuntos variados por conta própria e quase sempre faço uma reflexão em meus pensamentos. Hoje, porém, eu acabei cometendo um "erro".
Encerrada a última aula do dia, eu fiquei assistindo e pensando a respeito de coisas como religião e moral, egoísmo, se somos ou não substituíveis e se certas drogas deveriam ou não ser legalizadas. Esses tópicos todos foram o foco dos debates que vi/participei recentemente e muita coisa não tem saído da minha cabeça. Portanto, o fluxo de ideias é muito frequente e, de vez em quando, não percebo o que está acontecendo ao meu redor. Fico preso no meu interior, basicamente.
No entanto, qual o problema? Tudo até aqui parece bem normal. É... acontece que eu falo sozinho durante o banho. Geralmente, mantenho todos os temas complicados em notas mentais e apenas canto ou simulo situações de comédia com minha voz. Todavia, como estava apenas eu em casa, acabei por relaxar demais e, sem nem perceber, nada deixava de sair pela minha boca. Não parava de falar.
Nesse cenário, falei sobre como já havia pensado em suicídio e a respeito da minha depressão no passado, sobre como os meus pais são aqueles que se preocupam comigo de fato e que se eles falecessem eu provavelmente já teria me finalizado, mesmo que sem um motivo real, simplesmente por não ter apego a minha identidade. Além disso, apresentei pontos que sustentavam a ideia das pessoas serem, em geral, substituíveis. Também, que a perda de alguém pode ter um efeito imediato aparente grande, mas que após pouco tempo isso tudo se torna insignificante à realidade do círculo no qual tal morto se envolvia. Enfim, tentei mostrar minha percepção da vida como um conceito passageiro e da memória como, na imensidão das coisas, inútil. Não concordo com tudo o que falei, claro, mas quando tem água caindo em você o pessimismo sobe.
Em seguida, — ou será que foi antes? — falei sobre religião, em especial cristianismo. Pensei em problemas básicos, como hipocrisia e falta de amor ao próximo por parte dos "seguidores" em diversas situações, mas não fui muito a fundo. Já na parte das drogas, porém, discorri um bocado. Apontei dados, disse sobre o econômico e o social, expressei o mal que faz ao organismo e ao psicológico, disse quais que eu achava ok liberar. Parece uma conversa séria, não? Mas pense que aqui eu estou tentando torná-la o mais normal possível.
Na realidade, eu estava com um discurso niilista, ao envolver morte, inexistência e indiferença em quase 90% das minhas falas, vide "Pouco me importa o que a pessoa faz. Se ela quiser se matar, vai lá. Eu quero me matar. Mas se ela acha a liberdade dela superior a de qualquer outro, então tem mais é que se acabar mesmo. É a escolha dela e ninguém deveria ligar pra isso, até porque não significava nada fora dela". Esse, por sinal, ainda é um dos pedaços que eu consigo compartilhar, por ser "de boa". Só peço que ignorem a parte polêmica, mesmo que pensem de forma extremamente oposta à ela, por favor. O que eu vim aqui pra falar é outra coisa.
De repente, eu saí desse meu transe. Pareceu uma eternidade, mas deve ter durado uns 8 minutos no máximo (eu espero). Fechei o chuveiro, peguei a toalha e me arrumei. Quando abri a porta, vi minha mãe passando:
— Faz quanto tempo que você chegou!? — perguntei.
— Bastante. Você não para de falar. E alto.
— Falar... — Parei por um momento devido ao choque, mas decidi continuar — sobre o quê? Eu disse o quê?
— Cocaína e morte. — Ela estava agindo com tanta naturalidade que eu literalmente comecei a tremer de nervosismo.
— E-Eu... estava falando em voz alta!? Eu....não parei em algum momento?
— E você para de falar?
Assim que ouvi essas palavras, senti como se alguém tivesse acabado de congelar uma panela e batido com ela em minhas costas múltiplas vezes. Em outras palavras, estou ferrado. Para minha surpresa, porém, ela só evitou minhas perguntas, falou que eu realmente tenho que me desestressar e riu um pouco, embora de modo bem desconfortável. "Está cansada por causa do trabalho," imaginei. (Mentira. Isso daí eu só pensei depois. Na hora, eu literalmente só estava chorando por dentro).
Porém, ainda tive esperanças. O problema era ela ouvir sobre o suicídio, já que eu exagerei no teor dessa parte. Nunca falei pra eles por 7 anos, afinal, pois preferi que fosse assim, por inúmeros motivos pessoais. Desse modo, ainda tremendo, saí dali e fui preparar o jantar. Assim que abri meus olhos, para minha felicidade, já estava tudo pronto. Demorei uns dois segundos pra captar a mensagem.
Ela chegou bem antes do esperado. Minha mãe escutou absolutamente tudo o que eu disse.
Talvez eu esteja exagerando na minha reação, mas nunca imaginei que ela iria descobrir as coisas dessa forma. Jamais falei nada antes e sempre reprimo esse lado triste meu.
Agora, estou sentado. Meus dedos estão tão trêmulos que levei 1h30 só pra escrever o que está aqui.
Será que eu ainda consigo dizer que isso tudo é culpa do isolamento social que está me deixando louco?
R: Aisjwnsbdhjaoalqosjqpslndsksjsjssokdmdosp
submitted by Lootlance to desabafos [link] [comments]


2020.08.30 02:32 querocafune parece fanfic mas eu juro que aconteceu

vou contar o filme que minha vida virou...
Pro contexto: eu acabei de voltar de um intercâmbio de 8meses em Wellington, na Nova Zelândia
Então, conheci esse menino na minha escola, numa aula feita pra que pessoas do mesmo ano escolar se relacionem, era uma aula de meia hora que acontecia duas vezes por semana, então não tínhamos muito contato, mas sempre sentava com ele e os amigos dele nesse tempo. Como eu era estudante internacional, não tinha muitas amizades além dos brasileiros que estavam na mesma situação que eu, então eu achava um máximo ter esse grupinho pra conversar. Enfim, entramos em lockdown em março, e as aulas online começaram, e essa aula parou de acontecer. Eu tentava fazer amizade com pessoas de outras aulas por mensagem, mas ninguém continuava a conversa... até que depois de algumas semanas eu e esse menino, começamos a conversar pelo instagram, conversávamos a cada 2 dias, mais ou menos, sobre coisas bem aleatórias, mas era alguém com quem conversar. E eu sempre fui muito devagar pra relacionamentos românticos né, mas resolvi investir nele e ver no que dava. Eu tentava flertar, mas além da falta de experiência tinha o fator idioma, flertar em inglês é uma coisa assim... complicada kkkk
Passamos 2 meses de quarentena e as coisas começaram a reabrir, obrigado Nova Zelândia!! E acabei chamando ele pra sairmos quando pudéssemos. Fomos tomar um café, e como sou do Brasil tive que honrar o estereótipo e chegar 1hora depois do combinado, me culpei muito por isso, mas no final das contas passamos um tempo bem legal juntos, mas não rolou nada. Mais ou menos uma semana depois sugeri que saíssemos de novo, e acabamos indo pro “cable car”, basicamente um carrinho que sobe um morro, mas que é um dos lugares turísticos da cidade, junto com o jardim botânico que fica no topo desse morro. Eu, na inocência, me arrumei pra encontrar ele, quando chego lá ele tinha levado uma garrafinha de água, preparado pra dar uma caminhada kkkk andamos igual notícia ruim, e eu sempre fingindo costume e não mostrando que eu estava a beira do desmaio... Obviamente, não conseguimos conversar muito, mas cada experiência é uma experiência. No final, quando já não tinha mais subidas ou descidas de morro tentei jogar um charme, um elogio, mas ele não captou minhas mensagens, um tempo depois ele disse que tinha dever de casa e foi embora na vespa dele kkkkk
Continuei persistente, porque apesar de tudo eu gostava das nossas conversas e de passar tempo com ele, e mesmo que não desse certo, seria uma amizade de um outro país, eu não tinha o que perder.
Foi aí que fomos nesse museu, “te papa”, que tem exposições interativas e é super interessante, mas eu já tinha ido lá no mínimo umas 3 vezes, então eu estava com bastante foco no objetivo kkkkk eu nunca encontrava a hora certa pra dar o primeiro passo, e ficou nisso durante o dia inteiro. Até que quando estávamos indo embora, dessa vez ele não estava dirigindo a motinha dele então pegamos o mesmo ônibus pra casa, o ponto dele era antes do meu e quando ele desceu eu não aguentei, e senti que deveria fazer alguma coisa. É aí que a produção entra em cena, eu levantei e pedi pro motorista parar o ônibus, falei que eu tinha que fazer uma coisa rapidinha e eu já voltava, aí eu desci do ônibus e corri atrás dele, ele achou que estava sendo assaltado, mas eu fui e falei pra ele que eu senti que perdi muitas oportunidades de fazer isso durante o dia mas que eu tinha que fazer isso, aí perguntei se eu podia beijar ele, ele disse que sim!!! Voltei pro ônibus e a cara do motorista foi muito boa, ele viu tudo pelo retrovisor kkkkk DETALHE, tava chovendo.
Depois conversamos por mensagem, e eu falei que não sei de onde eu tinha arranjado coragem pra fazer aquilo, mas que eu estava muito fez de ter feito.
Na segunda-feira, combinamos de encontrar depois da aula, acabamos indo pra casa dele e conheci a mãe dele kkkk fiquei meio sem reação, não sabia o que fazer, foi super bizarro, mas de novo, cada experiência é uma experiência né? A mãe dele saiu e ele tentou me beijar, mas eu travei tanto que não consegui, ele coitado ficou super confuso, e eu comecei a tagarelar sobre timidez, insegurança, umas coisas nada a ver, tentando me justificar... Ele só ficou mais confuso, resolvemos então dar uma volta e fomos comprar pão, fomos num parquinho e comemos lá... Conversarmos e tava tudo muito bom, mesmo eu tendo tornado tudo muito constrangedor. Cada um foi pra casa e ficou aquele clima estranho, mesmo ambos querendo a mesma coisa.
Mais tarde mandei mensagem pra ele falando sobre minha mania de auto-sabotagem, e que tudo tava sendo tão bom que alguma coisa em mim me dizia que tava errado, então eu estraguei tudo. Ele não entendeu direito, então só falei pra que a gente ignorasse tudo o que eu falei e continuar do jeito que tava antes kkkkk
Dia vai, dia vem e esse amigo dele deu uma festa, um dia antes de uma viagem que eu iria fazer, mas eu fui mesmo assim. Fui com uma galera da minha outra aula, e já tava me sentindo mais confortável, até que eu chego na festa... Uma coisa bem maluca kkkk tinha uma fogueira com sofás em volta, uma garagem com colchões e bebidas, uma caixa de som, e gente usando vape. Até aí tudo bem, encontrei ele e as coisas tavam indo na paz, tirando a parte em que tive que ensinar ele como eu beijava de língua, que foi um pouco constrangedor mas que no final deu tudo certo, a gente se encaixou e ficamos agarradinhos perto da fogueira, porque tava muito frio! Até que um doido resolve tirar o próprio sapato, colocar vodca pura dentro e beber... pois é, como reagir? Ok, algumas horas se passam e esse menino do sapato, surpreendentemente, começa a passar muito mal, então deitam ele em um dos colchões e eu falando pra darem água pra ele... Não sei o que rolou, voltei pra perto da fogueira, não ia dar uma de baba pra alguém que eu nem conheço. Até que um carro entra onde a gente tava, eram os pais do menino do sapato, tiveram que buscar ele porque ele só tava piorando...
Por causa da confusão dos pais, uma das vizinhas chegou lá pra ver o que tava acontecendo, então o menino que eu tava beijando, já um pouco alterado levanta e fala que a gente tem que sair dali pra que não me deportassem kkkk eu fui com ele, entramos num lugar muito escuro e eu comecei a ficar com medo, porque por mais que eu goste dele eu não queria morrer. Fomos parar numa estação de trem e ficamos rondando por lá por um tempo, sem saber o que tava acontecendo na festa, mais tarde a gente voltou pra lá e tinham guardado tudo, os sofás, a música, apagado a fogueira, e estavam falando que tinha baixado polícia lá... Não vi nada. Tava todo mundo indo embora, e achei melhor eu também ir, mas minha carona tinha vazado, fiquei sem saber o que fazer, então tive que ligar pra minha hostmom pra ela vir me buscar, achei que ia levar esporro, mas ela achou até bom eu ter feito isso kkkk
No dia seguinte eu fui pra minha viagem, e foi muito boa, conheci gente nova e fiz coisas que nem acreditava que faria, inclusive pular de avião e de bungee jump! - mas agora, a história é sobre meu romance clichê
Quando eu voltei marcamos de encontrar várias vezes, e tudo tava sendo lindo e cor de rosa... conheci a família dele, até a vó kkk e ele a minha hostfamily. Eu tava nas nuvens.
Porém, com toda essa complicação do covid, minha data de volta tava sempre mudando. Até que confirmaram meu voo pro dia 29 de agosto, ok, me planejei organizei o que eu iria fazer. Só que uma semana antes me ligam avisando que mudaram a data mais uma vez, só que dessa vez pra 4 dias mais cedo! Eu entrei em pânico, por mais que 4 dias parece pouco, mas é muita coisa... Tive que remanejar tudo, remarcar as despedidas e tudo mais. eu tava muito emocional, chorava por tudo.
Até que um dia nessa última semana, eu tinha acabado de jantar e estava brincando com as crianças da minha casa, ele me liga e pede pra que eu fosse lá fora, fiquei super confusa, mas eu fui. DETALHE, tava chovendo também... Eu perguntei o que ele tava fazendo ali e ele disse que tava fazendo uma corrida noturna e que eu não poderia ir embora sem que ele falasse isso, foi aí que ele disse que me ama... Eu fiquei em choque, não tava caindo a ficha de que isso tava acontecendo, eu perguntei se ele queria entrar, tomar uma xícara de chá, sei lá... Ele me disse pra pensar sobre isso e que tinha que ir embora, então ele saiu correndo. Eu voltei pra dentro e não conseguir pegar no sono. depois, mandei mensagem pra ele falando que eu não esperava por isso e perguntei se ele tinha certeza do que ele tinha falado, conversamos bastante mas eu ainda não conseguia engolir, mesmo com ele sendo incrivelmente perfeito em tudo que ele falou pra mim. Na manhã seguinte tive minha sessão de terapia semanal, ouvi umas poucas e boas de como eu negava o amor dos outros, de como eu achava que por eu não me amar ninguém seria capaz de fazer isso... E cada palavra valeu a pena, quando acabou disse pra ele que queria ver ele, e de noite fomos pra cidade, e com toda certeza foi uma das melhores escolhas da minha vida. Jantamos pizza e caminhamos por todo lugar, e quando tava chegando a hora dele ir embora não deu, e comecei a chorar, me abri pra ele e disse que também amava ele, e ficou assim, os dois boiolas chorando num ponto de ônibus, olhando um pra cara do outro. Mas por mais triste que eu tava, me senti muito bem de estar vivendo aquilo. Levantamos e continuamos a andar pela cidade, dando sempre uns intervalos pruns beijinhos...
Então ele teve que ir embora, e quando ele deu partida na motinha dele eu gritei pra todo mundo ouvir que eu amo ele! Comecei a chorar de novo, muito muito mesmo, não só por ele, mas por tudo que eu vivenciei naquele país, vida, morte, conexão, solidão, despedida, saudade, amizade, amor, tudo que faz a vida valer a pena e como muitas vezes já pensei que nada disso valia a pena. Esses 8 meses me ensinaram o que é estar vivo, e sou muito grata por ter aprendido isso!! nessa minha profunda reflexão, meu ônibus chegou, e era um ônibus de dois andares, eu que não vou boba nem nada fui pra frente da parte de cima, chorar ainda mais e fazer esse filme ainda mais clichê...
Até que enfim, chega meu dia de voltar pro Brasil, ele foi no aeroporto se despedir, e eu não passei um segundo sequer sem chorar, desde Wellington até BH, quase 3 dias de viagem e de muitas lágrimas...
A gente tem conversado todos os dias desde que cheguei, e sinto muita falta dele, mas ainda fico com receio de expressar tudo isso e ficar ainda mais triste com a situação, não sei como começar a conversa sobre o que vai acontecer entre a gente, se estamos em um relacionamento a distância ou continuarmos nos amando só que em forma de amizade, se ele toparia um relacionamento aberto, ou sobre o que ele planeja pra nós... Tenho medo de conversar com ele sobre tudo isso e estragar o que a gente tá tendo agora, porque por mais que exista a distância ainda sei que ele está lá pra mim do mesmo jeito que estou aqui pra ele...
E é isso, só queria abrir minha história a debate mesmo. Valeu aí...
submitted by querocafune to desabafos [link] [comments]


2020.08.21 04:22 clzedi "O que sobrou de mim" (Ou "Último texto")

A dor é real. Eu sinceramente não sei o que vou fazer com a minha vida quando acabar de escrever este texto. Tenho seis cartelas de remédio, um licor forte, uma dor calcinante, mas também muita vontade de viver. As cartas estão na mesa.
Escolhi o Reddit por nunca ter usado a plataforma, e sei minimamente como mexer aqui. Perdoe qualquer gafe, confidente anônimo, mas não tenho coragem de expor isso publicamente em minha rede social, pra amigos ou seja lá quem for.
Hoje eu fiz a melhor viagem da minha vida. Sim, viagem, literalmente. 25km de percusso, numa estrada irregular, dirigindo aos máximos 160km/hr. Foi libertador, e tenho extremo pavor dessa sensação: sensação de liberdade completa, sem medo da dor ou da morte. Numa curva mais ou menos na metade do trajeto, um lampejo me bateu, uma pisada mortal no acelerador me jogaria barranco abaixo em um voo de glória rumo a seja lá qual lugar esteja reservado para mim. De repente, estou na pista novamente, a curva feita com uma precisão automática do cérebro. Algo dentro de mim insiste em viver, insiste em lutar.
Eu amo a vida. Eu amo tudo e todas as experiências. Eu sou realizado, tenho conquistas, sonhos que caminham a passos largos ao sucesso, em todas as suas definições. Tenho duas filhas lindas, felizes, carinhosas, o tipo de criança que qualquer pai se orgulharia. São minhas jóias raras, e vou carregar elas comigo dentro do peito eternamente, mesmo que o pior aconteça.
Eu sou casado a 12 anos. Pelo menos era, até uma semana atrás. Minha esposa, sem cobrança, sem reclamação, e tenho certeza, sem nenhum evento extraconjugal, me pediu divórcio.
Parece um resumo porco, mas é simples como parece, e complexo na prática.
A 12 anos atrás, eu era só um garoto com uma mochila de roupas, 25 reais no bolso, um violão nas costas, viajando para outro estado, para conhecer o amor da minha vida que havia descoberto na internet. Desse nossa primeira conversa eu já sabia que ela era a pessoa da minha vida, que tinha descoberto o amor que muitos cantavam em suas poesias, mas eu não conhecia antes dela. Fui para seu estado sem ao menos ver uma foto sua: não me importava qual era seu gênero, ou sua cor ou seja lá o que me esperava. Eu sabia que aquela simbiose não seria acharia em mais ninguém, e ela, independente de quem ela fosse, era a pessoa da minha vida...
... Quando cheguei, pude constatar: ela era linda. Tenho certeza de tê-la visto em meus sonhos de infância. Era linda, era inteligente, era perfeita em tudo.
É incrível como o passado pode ser tão lindo e cruel ao mesmo tempo, e na mesma intensidade.
12 anos...
Construímos uma vida juntos. Não foram tempos fáceis, mas ela continuava perfeita em tudo. Passamos fome juntos. Planejamos e criamos nossas duas filhas juntos. Tivemos crises, e resolvemos juntos. Viajamos juntos. Abrimos juntos nossa empresa. Crescemos juntos. Conquistamos a vida juntos.
12 anos...
Minha filha mais velha acabou de me ligar, interrompendo meu texto e meu devaneio. Tudo está de ponta cabeça, não sei o fazer.
Tomei metade da garrafa e reli o texto. Não me parece grande coisa, e não reflete nem 1% da história em seu contexto original.
Vou nomear esta metade de garrafa de "Coragem". Agora faltam os remédios e a outra metade. O rosto de minha filha está fixado na minha mente.
Há quem acredite em divina providência. Essa coincidência gritante me desestabizou, e ao meu texto, e a sua interpretação, confidente. As palavras já nem fazem mais sentido a essa altura.
Meus dedos estão molhados de lágrimas, bagunçando a tela e impedindo minha escrita. Como eu queria um abraço agora, mesmo que um abraço de um desconhecido... No ombro dele, eu choraria e diria como minha vida foi boa até aquele momento... Contaria todos brilhos nos olhos e frio na barriga que vivi até aquela hora...
Brilho nos olhos que não via mais nos olhos dela no dia em que ela me fez o referido comunicado. Eu estou morto por dentro... Aqui jaz o amor verdadeiro.
Ela está na casa da mãe dela, em depressão. Disse ao psicólogo que ainda me ama, mas por algum motivo, não quer mais viver comigo. Isso é ainda mais castigante, o fato de não saber o que está acontecendo! Eu faria qualquer coisa para vê-la feliz, eu morreria mil vezes por ela, e simplesmente ela me corta, a custos altos, de sua vida.
Eu chorei, entrei em desespero: por que? O que aconteceu? Eu preciso entender! Minha mente está cansada...
O licor é de pêssego. Muito bom, por sinal. Presente de um casal de amigos em comum para nós. Três maços de cigarros estão na cama, e as cartelas esperando serem devoradas... Mas o rosto da minha filha brincando comigo na chamada de vídeo está estampado em todos as quinas do meu cérebro.
A inocência delas me causam inveja num momento como esse. Queria pensar que é tudo passageiro, mas estou apenas esperando o lampejo, o mesmo lampejo da curva, e contando que desta vez minha mente não me proteja.
Você, confidente, pode me chamar de fraco, pensar que eu mereço isso... Eu não ligo. Ainda não cheguei no fundo do poço, mas espero que ele chegue logo. Estou em queda livre, e ganhando velocidade. Enquanto isso, me poupe de palavras e julgamentos vazios de quem não sabe o que é o amor.
O amor é puro, é lindo, e eu amo ela... Esperar essa situação se resolver pode ser o caminho mais sensato, mas é de longe o mais difícil. Sei que ela está doente, sei que não está normal, mas as palavras machucam e as ações mais ainda. Não sei o que vai sobrar de mim se eu decidir encarar este processo.
Eu amo a vida, mas eu quero que essa dor passe.
Filha, o pai te ama.q
submitted by clzedi to desabafos [link] [comments]


2020.08.15 08:04 therealilith Nice girl quase vai presa - com prints

Oii Lubisco, editores, gatas, possível convidado e turma que esta a ver.
Essa história ocorreu em 2016, na época eu estava namorando uma garota (sou lésbica) e estavamos quase completando 8 meses de namoro. Ela era o estereótipo de “nice person” e abusiva, os problemas iam desde coisas mais “”leves”” como ela me ignorar e me abandonar quando eu estava tendo crises de ansiedade/depressão na casa dela e tentar controlar a roupa que eu estava vestindo até me enforcar em um argumento.
Bem lixo né? Mas na época eu caia na baboseira de acreditar nela quando ela dizia que ela era o amor da minha vida e eu nunca encontraria alguém melhor.
Vamos para o que levou ao título dessa história: Um certo dia eu fui para a escola de vestido e uma coroa de flores, minha auto estima estava nas nuvens e todo mundo estava me elogiando. Quando as aulas acabaram ela foi me buscar na porta da escola e fomos almoçar em um restaurante ali perto, no meio da refeição ela me olha e diz “Já pode tirar isso, ta ridiculo.” e continuou comendo.
Eu fiquei em choque, terminei minha refeição e fui para casa. Pensei por um tempo até decidir que eu deveria terminar, eu não achava certo ela me tratar daquele jeito e não continuaria aceitando tudo assim.
Escrevi um texto super didático citando todos os motivos para o termino e enviei, estranhamente ela estava super calma. Ela aceitou o término e combinamos de ela me devolver meus pertences no dia seguinte.
Agora que a merda atinge o ventilador.
Fui tomar um banho super feliz e relaxada com tudo que aconteceu, mas quando sai percebi que haviam 10 ligações perdidas e 50 mensagens (algumas de texto e algumas de voz) da Carls (minha ex).
Ela estava surtando dizendo que eu era o amor da vida dela, que eu não deveria terminar, que ela era uma boa pessoa e apenas ela poderia me fazer feliz. Ela começou a perguntar o porque eu estar fazendo aquilo com ela e eu simplesmente copiei e colei o texto que eu havia mandado sobre os motivos do término e bloqueei ela no zipzop.
Enquanto eu apagava tudo relacionado a ela do meu CaraLivro ela me mandou uma mensagem no Instagram dizendo que ela ia se matar e a culpa era toda minha. Que eu era uma puta sem valor e que ela ia me assombrar pelo resto da minha vida.
Ela me explicou que tinha tomado todo o remédio de bronquite dela (um super forte que quando ela tomava um pouco ja ficava tremendo e com taquicardia) e que eu não poderia fazer nada além de me arrepender por ter terminado com alguém tão bom quanto ela.
Na hora eu travei, mas não demorou muito para meu cérebro começar a raciocinar: Ate eu me arrumar, sair de casa e ir até a estação de trem mais próxima demoraria pelo menos 30 minutos (10 para eu me arrumar + 20 até a estação), depois que eu pegasse o trem (+15 minutos) eu teria que andar até a casa dela (+30 minutos). Nisso eu ja teria perdido uma hora e quinze minutos e ela teria morrido.
Como eu estava sem dinheiro para o taxi e minha única opção demoraria mais de uma hora só me restava uma saída: Ligar para a polícia.
Liguei para a policia e expliquei que uma “amiga” minha estava tentando suicidio, passei o endereço dela, quantas pessoas estavam na casa dela no momento e outras informações necessárias. A moça do outro lado da linha agradeceu e me disse que duas viaturas estavam a caminho da casa dela e que chegariam em menos de 15 minutos.
Enquanto isso ela continuava bombardeando meu Instagram com mensagens sobre como eu me arrependeria daquilo e blábláblá.
Quando a ligação acabou ocorreu a seguinte conversa: Eu: Você está em casa né? Ela: Sim, porque? Você vai vir?? Eu sabia que você ia se arrepender!! Eu te amo!! Eu: Não não, eu não estou indo ai. Ela: Então porque perguntou?? Eu: Como você disse que ia se matar e eu não conseguiria chegar a tempo para te ajudar eu liguei para a policia e eles enviaram duas viaturas para sua casa, logo logo elas devem chegar Ela: QUE??????? PORQUE VOCÊ TEVE QUE LIGAR PRA POLICA??? VOCE TA LOCA SUA PUTA???? EU NÃO IA ME MATAR DE VERDADE Eu: Explica isso para eles :)
No final das contas, duas viaturas chegaram na casa dela, o pai deixou os policiais entrarem e ela brigou com eles, fez um barraco tão grande que quase foi presa e ainda levou um sermão (dos policiais e do pai) por fazer os caras perderem tempo indo até la.
Eu consegui meus pertences de volta, ela tentou conversar comigo algumas vezes depois disso ou me xingando ou pedindo para voltar e eu ainda fiquei com a melhor amiga dela.
Os prints:
https://imgur.com/gallery/fq2z8ZH
É isso Lubisco, moral da história: Se alguém, principalmente uma nice person, falar que vai se matar você liga pra policia
Beijo <3
submitted by therealilith to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.09 18:05 lalalyna Estou apenas existindo

Já faz alguns anos que eu percebo isso, parece que estou apenas existindo, parece que falta um brilho em mim. Eu sempre fui muito ativa para as coisas, sempre estive a frente de vários movimentos, representava muitos grupos na adolescência. Todo mundo me via como uma inspiração, eu era diferente sabe.
Mas já faz uns três anos que eu me perdi e não sei como me reencontrar, é uma coisa muito louca e difícil de explicar, não tenho mais vontade de fazer as coisas, nem de lutar por mais nada, nem de conquistar espaço nenhum. Deixei de cuidar da minha aparência, mas não como uma forma de vaidade, mas como uma forma de amor próprio. Eu deixei de me amar.
Eu não me importo com nada, e por mais que ligar o foda-se seja muito bom as vezes, eu passei de todos os limites, não me importo se estou comendo bem ou mal, nao me importo se não alcanço minhas metas, não me importo de não ter o emprego dos sonhos, não me importo com os outros.... vc pode pensar que é maravilhoso viver sem se importar com as coisas, mas não se importar, não te impulsiona pra conquistar novos horizontes...
Não aguento mais viver assim, procurei um psiquiatra que me receitou uns antidepressivos muito bons, porque antes além de me sentir assim eu me sentia sem energia pra levantar da cama e fazer coisas comuns. O remédio me ajudou muito, eu tenho muita disposição, e não me sinto triste, mas continuo me sentindo sem propósito de vida, sem saber o que eu preciso fazer pra me sentir realizada com a minha vida. Eu queria me olhar no espelho e pensar “cara, vc é foda”, e não viver um looping infinito de dias sem sentido.
É complexo esse sentimento. É realmente se sentir apenas existindo esperando o dia de morrer.
submitted by lalalyna to desabafos [link] [comments]


2020.08.05 16:01 LiviLuthorDanvers Ex namorada abusiva ainda se acha o amor da minha vida

Ok, pensei muito antes de mandar isso aqui, mas uma história dessa não deve ser desperdiçada. Então, por favor façam essa história chegar no Luba, pelo amor de Rao
Bora lá. Olá, Luba, editores, gatas, falecidos papelões, possível convidado and turma que está a lever.
Contexto da história: minha ex terminou comigo de uma forma muito escrota, descobri que ela ja estava noiva de outra garota, ela me disse que eu era doente por amar tanto ela e que eu precisava me tratar. Tinha bloqueado ela meses atrás, mas vieram me falar que ela precisava falar algo muito importante comigo, então eu desbloqueei ela. Agora bora pra história, irei transcrever a conversa aqui.
Ela- **** Preciso conversar com você. Ai mas como está?
Eu- Bem e vc? Sobre o que quer falar?
Ela- Muito mal. Mas acho que isso não ti interessa
Eu- Vdd, não me interessa. Então... O que quer falar?
(Duas horas depois)
Não tenho tempo pra mistério. Não quero ser grossa, mas vc sabe o que fez, o que falou, então não vamos fingir que somos amigas, certo?
Ela- Não ti preocurei pra brigar. Comigo ficaram guardadas momentos lindos do nosso romance. Serio, não imaginei que depois de tanto tempo você voltaria me tratar com cinco pedras na mão. Bom dia!
Eu- Olha... eu não vou nem comentar. O que vc queria falar?
(Três horas depois)
Olha, eu vou dormir. Quando eu acordar espero que vc tenha dito o que vc quer tanto falar comigo. Como ja disse antes, não tenho tempo pra mistério.
Ela- Olha meu amor. Não fale desse jeito comigo okay? Do jeito como me trata, me deixa sem forças pra falar o porquê ti procurei. É uma pena ter gastado o seu tempo a toa Tenha um bom dia. E esqueçe o que ia falar. O seu clima comigo não ajuda.
Eu- Só fala o que vc quer tanto falar.
Ela- A gente se fala quando estiver disposta em conversar comigo.
Eu- Só fala logo. Para de rodeio. Quanto mais mistério vc faz, mais irritada e sem paciência eu fico.
Ela- Você ainda está magoada comigo?
Eu- Sim.
Ela- Gostaria que me perdoasse. De todo o coração. Com toda a sinceridade 😔
Eu- Era sobre isso que vc queria falar comigo?
Ela- É o começo pra poder dizer o que tenho a falar. Mas é importante a sua resposta.
Eu- Certo... Vc tem o meu perdão, pq não quero ficar remoendo isso pelo resto da minha vida.
Ela- Obrigada se é que o seu perdão é sincero. Não quero mais perder a ligação com você. Desde que você me deixou, não sou mais feliz. Sonho com você todas as noites como antes. Pra mim é importante ti falar disso.
Eu- Ta bom. Mas onde vc quer chegar? Humm. E o que vc quer que eu faça em relação a isso? Ja te dei o meu perdão.
Ela- É tudo que queria falar pra você. Que você ainda vive em mim. Eu estou doente de saudades de você. Mas entendo se nao quiser saber mais nada de mim. (Ela mandou um áudio dizendo que talvez esse ano poderia vir para o Brasil e que quer me conhecer)
Eu- Olha, não quero ser grossa, mas não quero me encontrar com vc, não quero te ver. Estou muito bem com a minha namorada e não quero que isso seja abalado por um fantasma do meu passado.
Ela- Tudo bem. Fantasma. Hum ok. Posso ligar pra você? Me liga quando puder.
Eu- Estou ocupada agora.
Ela- Tá. Ainda vai me ligar?
Eu- Minha namorada está aqui em casa. Estou ocupada.
Ela- Está bem! Tranquila, eu super entendo. Sem problema.
Dois dias depois
Ela- Mulher, preciso ti ouvir. Você se esqueceu que sou amor da sua vida? Nem essa garota, nem o tempo vai mudar os meus sentimentos por ti.
Eu- Não é mais. Vc perdeu esse posto quando me tratou daquela forma, vc perdeu toda e qualquer chance de voltar a ter algo comigo quando me tratou assim. Deixei isso bem claro
Ela- Eu não perdi nada amor. Apenas eu era imatura e precisava me organizar e entender o que realmente queria. Eu quero ti amar como nunca. Não me negue.
Eu- Não Me Chama De Amor Vc perdeu por ser imatura, por se comportar como uma mimada que achava que poderia usar as pessoas e descartar quando não serviam mais.
Ela- Chamo e repito. Amor da minha vida. Por favor ****, Eu nunca descartei você. Você me deixou e sumiu do meu coração que tanto se completava por você. O meu coração e eu, sentimos a sua falta.
Eu- É, vc não me descartou. Só me chamou de doente e disse que eu precisava me tratar. Ahhh disse também que ficou comigo por pena. E como cereja do bolo a sua noiva ainda me chamou de câncer. Vc quer mais?
Ela- Sim, quero você. Eu não estou mais pra perder tempo sendo que a minha felicidade é ao teu lado. Me deixe conhecer o mundo de mãos dadas com você por favor😔
Eu- Isso vc nunca mais vai ter. Olha, não quero entrar nessa discussão de novo. É melhor cada uma seguir o seu caminho, eu não sinto mais o mesmo por vc. Sinto muito por isso, mas é a vdd. Eu não amo mais vc, Cals. Encontre alguém que ame vc, que queira ficar com vc e nunca magoe essa pessoa, nunca faça ela sentir o que eu senti quando vc falou tudo aquilo.
Ela- O problema é que você nunca me amou, e nunca sentiu nada por mim. Foi daí que tudo acabou. E se estou aqui, não é porque não deu certo com a **** É por amor puro mesmo.
Eu- Por favor, não me mande mais mensagens. Não quero ter que bloquear vc, se caso vc venha mesmo para o Brasil, não me procure. (Mande um áudio pra ela dizendo que não amo mais ela, que estou feliz com a minha namorada e que não quero mais ela na minha vida)
/Nota: coloca uma música triste/
Ela- Não me fale de amor se bem que não tas mais disposta em me dar. O amor que carrego no peito, não é algo simples entendeu? Você sabe e sempre soube que és a minha pessoa preferida. Ai como queria poder dizer o quanto eu te amo sem usar apenas palavras. Só que algum dia eu dê esse amor alguém que não o merece tanto quanto você. Mas eu não quero mais ninguem a não ser você.. E saiba que está me traindo com outra. Ó meu Deus, que dor💔😔
Eu- Te traindo? É sério isso?
Ela- Serio. E eu aqui morrendo de amor por ti e me fala de outra Sim, você com outra.
Eu- Vc diz tudo aquilo, parte o meu coração, destrói o que restava da minha auto estima e tem a coragem de dizer que eu te trai?
Ela- Você está me traindo com outra. Meu Deus do ceu. Mulher, como pode?
Eu- Olha... eu não te trai E nós não temos mais nada. N A D A Então, só para com isso. Eu sabia que vc não queria só o meu perdão, sabia que de alguma forma ia quer que a gente voltasse (Aqui eu já sabia que daria uma boa história)
Ela- Eu não ti quero distante de mim ok? Bloquear um amor, não é uma opção sábia O que você sente me ferindo? Eu não ti desejo felicidades com outra pessoa porque eu quero você.. Você é minha mulher. Volta pra gente Porque sabe o quanto te amo e ti quero comigo. É demais como fiquei implorando pelo o seu Amor.. Não irei ti forçar, não irei mais insistir na gente. Que seja o que Deus quiser. Não serei a primeira na vida. Isso acontece🙏
Eu- Assim como eu implorei o seu.
Ela- De tudo que você falou pra mim, e de como falou, revela que não me perdoou. Quem perdoa esquece, e não volta remexendo o mesmo. (Realmente, só falei aquilo pra ela não encher mais o saco)
Ela- Não largue nada da sua vida. Definitivamente quem vai embora sou eu. Não sei mendigar ou implorar por amor. Por tanto, pra ti fazer acreditar que também mudei e sou decidida, irei sumir de vez. Ti juro que não irá mais saber de mim. Que o meu sumisso seja motivo de felecidade eterna em sua vida.
Eu- Olha, essa conversa ja durou tempo demais. Tempo esse que eu poderia está conversando com a minha namorada ou fazendo algo melhor que revirar o passado. Eu não te desejo mal, Cals. Só desejo o melhor pra vc, que vc encontre alguém que te ame. Certo, então é isso Vc vai seguir a sua vida e eu vou seguir a minha. É uma pena tudo ter acontecido dessa maneira, mas não dá pra mudar o passado. Realmente te desejo o melhor e que vc fique bem, que encontre quem te ame de verdade pelo o que vc é e não pelo o que vc tem
(Depois ela rearfirmou que iria sumir da minha vida e tudo mais... e no outro dia mandou um oi, ai levou block. Minha paciência acabou)
submitted by LiviLuthorDanvers to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.04 06:16 Colorful_fox Alguém já viveu o dilema do amor?

Olá a todos!
Num resumo de meses a fio de minha quarentena, saía com uma pessoa e esta só planejava saídas mesmo, contudo a pessoa em si despertou em querer conhecer mais de minha vida, casa, família, presentes a todos, planos de passeio e viagens. Eu que estava me recuperando de um luto e fim de uma relação me permiti levar, a pessoa sempre foi boa comigo e muito carinhosa, com presentes e até um afago que nunca me deram.
Depois de um tempo, a pessoa revela que está numa relação há quase 11 anos, não possui filhos, porém bens em ambos os nomes. E pra piorar, a pessoa traída passou a me perseguir, ligar, bater na minha porta, fazer fakes em redes sociais para chegar até mim, não em diálogo, mas para atormentar. Conversei com o pivô do caso e tive a resposta que a relação era complicada, só queria que ela fosse embora, o mesmo não conseguia encerrar devido tudo naquele momento. Triste, mas falei que esperaria. E assim começou meu inferno, ganhava presentes na mesma medida que seguia a perseguição. A pessoa até número da minha mãe foi atrás e usou a família dele contra ele, incluso a mãe recém-viúva.
Diante várias coisas, percebi que este casal nem tinha mais amor, era só para constar a sociedade, ambos não moram juntos, mas notei pressão da pessoa traída a até firmar isso, mas conheço o tal e ele esta fazendo por pressão. Tanto que a mesma gritava a mim que tinha nojo da pessoa, mas não quis encerrar nada, fingindo até que nada ocorre aos demais.
Então, na última confusão percebi algo, ou eu pressionava o fim, me retirava. A pessoa afirma me amar bastante, mas acha injusto tudo. Eu pressionaria mais para o fim ou melhor ir embora?
Fiz até pedido religioso em desafio, que ao completar um número de peças de crochê doaria a uma maternidade para ocorrer o fim desta situação. Sim, meus pedidos sempre são para ajudar terceiros, como maternidades e orfanatos.
O que fariam?
submitted by Colorful_fox to desabafos [link] [comments]


2020.08.04 06:15 Colorful_fox Vocês já viveram este dilema?

Olá a todos!
Num resumo de meses a fio de minha quarentena, saía com uma pessoa e esta só planejava saídas mesmo, contudo a pessoa em si despertou em querer conhecer mais de minha vida, casa, família, presentes a todos, planos de passeio e viagens. Eu que estava me recuperando de um luto e fim de uma relação me permiti levar, a pessoa sempre foi boa comigo e muito carinhosa, com presentes e até um afago que nunca me deram.
Depois de um tempo, a pessoa revela que está numa relação há quase 11 anos, não possui filhos, porém bens em ambos os nomes. E pra piorar, a pessoa traída passou a me perseguir, ligar, bater na minha porta, fazer fakes em redes sociais para chegar até mim, não em diálogo, mas para atormentar. Conversei com o pivô do caso e tive a resposta que a relação era complicada, só queria que ela fosse embora, o mesmo não conseguia encerrar devido tudo naquele momento. Triste, mas falei que esperaria. E assim começou meu inferno, ganhava presentes na mesma medida que seguia a perseguição. A pessoa até número da minha mãe foi atrás e usou a família dele contra ele, incluso a mãe recém-viúva.
Diante várias coisas, percebi que este casal nem tinha mais amor, era só para constar a sociedade, ambos não moram juntos, mas notei pressão da pessoa traída a até firmar isso, mas conheço o tal e ele esta fazendo por pressão. Tanto que a mesma gritava a mim que tinha nojo da pessoa, mas não quis encerrar nada, fingindo até que nada ocorre aos demais.
Então, na última confusão percebi algo, ou eu pressionava o fim, me retirava. A pessoa afirma me amar bastante, mas acha injusto tudo. Eu pressionaria mais para o fim ou melhor ir embora?
Fiz até pedido religioso em desafio, que ao completar um número de peças de crochê doaria a uma maternidade para ocorrer o fim desta situação. Sim, meus pedidos sempre são para ajudar terceiros, como maternidades e orfanatos.
O que fariam?
submitted by Colorful_fox to PergunteReddit [link] [comments]


2020.08.04 06:10 Colorful_fox Troca de relacinamento

Olá a todos!
Num resumo de meses a fio de minha quarentena, saía com uma pessoa e esta só planejava saídas mesmo, contudo a pessoa em si despertou em querer conhecer mais de minha vida, casa, família, presentes a todos, planos de passeio e viagens. Eu que estava me recuperando de um luto e fim de uma relação me permiti levar, a pessoa sempre foi boa comigo e muito carinhosa, com presentes e até um afago que nunca me deram.
Depois de um tempo, a pessoa revela que está numa relação há quase 11 anos, não possui filhos, porém bens em ambos os nomes. E pra piorar, a pessoa traída passou a me perseguir, ligar, bater na minha porta, fazer fakes em redes sociais para chegar até mim, não em diálogo, mas para atormentar. Conversei com o pivô do caso e tive a resposta que a relação era complicada, só queria que ela fosse embora, o mesmo não conseguia encerrar devido tudo naquele momento. Triste, mas falei que esperaria. E assim começou meu inferno, ganhava presentes na mesma medida que seguia a perseguição. A pessoa até número da minha mãe foi atrás e usou a família dele contra ele, incluso a mãe recém-viúva.
Diante várias coisas, percebi que este casal nem tinha mais amor, era só para constar a sociedade, ambos não moram juntos, mas notei pressão da pessoa traída a até firmar isso, mas conheço o tal e ele esta fazendo por pressão. Tanto que a mesma gritava a mim que tinha nojo da pessoa, mas não quis encerrar nada, fingindo até que nada ocorre aos demais.
Então, na última confusão percebi algo, ou eu pressionava o fim, me retirava. A pessoa afirma me amar bastante, mas acha injusto tudo. Eu pressionaria mais para o fim ou melhor ir embora?
Fiz até pedido religioso em desafio, que ao completar um número de peças de crochê doaria a uma maternidade para ocorrer o fim desta situação. Sim, meus pedidos sempre são para ajudar terceiros, como maternidades e orfanatos.
O que fariam?
submitted by Colorful_fox to arco_iris [link] [comments]


2020.07.30 02:47 lillobaby Relacionamento abusivo da minha irmã (atualização)

Ontem postei um desabafo sobre o relacionamento abusivo da qual minha irmã faz parte. Seguindo um bom conselho que recebi, conversei com minha mãe sobre a situação. Ela já havia comentado comigo sobre algumas coisas, que não acreditava que o relacionamento estava sendo bom para minha irmã, pq ela que era uma pessoa super animada se tornou triste e preocupada. Resolvemos chamar minha irmã pra conversar, falamos o que pensávamos e ela, como esperado, tentou negar. Mas víamos que ela estava saturada, sabe? Quando minha mãe insistiu mais um pouco ela desandou a falar. Gente, sem brincadeira, parecia que a criatura tava engasgada esse tempo todo. Ela contou todas as pequenas coisas que aconteceram e que vem acontecendo. Como eu tinha dito, ela falou em terminar com ele e que ele tinha chorado...mas eu n tinha entendido o quanto o apelo emocional que ele fazia era forte, sobre ela. Ela se sente culpada, presa na história. Como se fosse uma coisa sem volta, sabe? Ela disse que, desde a conversa de término ele da "espaço" a ela, mas todos os dias joga alguma declaração elaborada, reforçando um sentimento que eu acho que é mais costume que amor. Ela passou a evitar conversar com ele, pq isso tem gerado novas crises de ansiedade, sempre fica com essas crises quando está chegando a hora do cara sair do trabalho, pq sabe que ele vai começar a falar...pedir pra ligar, pedir foto...eu acho que ela tem uma certa consciência do que tá acontecendo, de que o espaço que ele tá dando é uma forma de condionar ela a achar que ele mudou, de que a relação abusiva existe, de que o emocional dela tá abalado com essa história, mas só não sabe ainda como sair.
submitted by lillobaby to desabafos [link] [comments]


2020.07.29 13:22 FilmandoRomanceHD Titulo: O buque de flores e um Chocolate

Gostaria que não menciona-se meu perfil se for ler a história, tenho meus motivos

Ola lubinha, gatas, editores, papelões, tia carminha e publico
Bom tudo começou a um bom tempo atras, era 2015, e eu estudava na escola como um aluno comum convivendo com pessoas comuns, como todo mundo tem um senso de "amor", eu gostava muito de uma menina na minha sala (vamos chamar ela de Julia), meio que todo mundo sabia que eu gostava dela, porque um dia normal na escola eu dei um chocolate (chocolate branco) para ela. Como sempre, começaram a me zoar e muitas meninas da sala começaram a me shippar com ela (num sei como escreve), enfim, depois de um tempo, ela convidou a sala dela para a festa de aniversario dela, então eu foi, mas eu tive a ideia genial de comprar um buque de flores para ela, era um buque com orquídeas roxas e brancas e eu nem pensava quão idiota eu fui para fazer isso para ela, quando eu cheguei na festa, todos se depararam com eu segurando um buque muito grande com uma jaqueta azul, quando eu sai do carro eu me deparei direto com a mãe da Julia, eu entreguei o buque para ela e disse:
Eu: esse buque é um presente para você, (algum nome para a mãe da Julia)
mãe da Julia: obrigado.
Eu fiquei com tanta vergonha que eu me dei de cara na hora o quão corno e idiota eu fui.
no meio da festa eu estava conversando com um amigo, até que eu escutei meu nome e vi uma menina da sala falando com outra aluno, fui até lá e eles me contaram que depois da aula a Julia havia dado o chocolate ao irmão e o irmão havia jogado no telhado com a embalagem desenhado com uma coisa DESMONETIZADORA. Eu fiquei magoado quando ouvi aquilo, me sente humilhado, mas não me apeguei com o caso, eu continuei na festa.
Depois da festa, eu tinha voltado para casa, e falei para meus pais tudo que aconteceu menos o caso do chocolate (aconteceu outras coisas na festa, mas vai desmonetizar o vídeo e não estou envolvido nisso). Passou o dia e eu fui para a escola, então a menina que me falou do chocolate me disse que a Julia havia jogado as orquídeas no lixo. Eu senti um negócio no estomago quando eu ouvi isso.
Hoje em dia eu não me importo mais com ela, mas depois que ela fez essas coisas, eu começar a nem ligar para os outros. Sou chamado de corno da orquídea na minha escola.
Enfim, essa foi minha história <3
submitted by FilmandoRomanceHD to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.25 17:10 d4rkcl0ud_ Meu irmão manda em mim e acha que está certo

Olá Luba, editores, gatas e turma que está a ver Bom, eu tenho um irmão meio que abusivo, digamos assim, ele é 5 anos mais velho do que eu e agora vamos para a história realmente. Eu sempre sou muito prestativo e carinhoso com as pessoas, mas quando elas abusam disso, eu logo me afasto. Meu irmão ele, as vezes, me pedia um copo d’água, um favor e eu fazia, isso não me fazia mal até ele começar a abusar disso. Ele começava a ser um Nice Guy, se eu fizesse algo pra ele, eu nem recebia um “obrigado” e se eu me recusasse eu me tornava feio, chato, irritante, etc. ele dizia coisas como “por isso que nunca namorou, é feio desse jeito”, “magrelo do [email protected]” mesmo sendo um amor com ele, eu tento me afastar, mas nós moramos juntos então fica difícil. Mais recentemente eu tava prestes a ligar o computador pra joga e ele chego falando “deixa eu jogar agora de manhã e você a tarde” tranquilo né? Então eu respondo “ok, deixa eu só...” “ maeeeee, ele não quer me deixar jogar agora de manhã nem a tarde” (sim que nem uma criança) eu fiquei tipo: “an? Do que você tá falando” minha mãe não fez nada, não porque ela é “a favor” daquela atitude e sim porque ela tinha medo dele, ele era extremamente agressivo quando não fazíamos as coisas do jeito dele. Minha mãe já chegou a chorar por isso. E eu sempre a abraçava pra consolar. Ele me deixa triste quando fala aquelas coisas, seja pra ou seja pra minha mãe. Ele acha que está sempre certo e que eu sempre estou errado, quando dou argumentos que destroem os dele, ele simplesmente me ignora ou diz “você tem só tem ** anos, você não sabe de nada” (censurei minha idade por privacidade) e eu fico muito triste. E eu quero que vocês respondam pra mim: eu devo falar a ele a verdade dele ou continuo sofrendo por dentro e sendo um amor com ele. Beijos, =30
submitted by d4rkcl0ud_ to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.09 15:23 bianasciutti eu sou a babaca por ter ignorado um menino q tecnicamente me machucou emocionalmente durante uns 6 meses?

oi luba, gatas, editores e todo mundo. Bom minha história começa há literalmente um ano, eu tava no canada pq fui fazer tipo um intercâmbio pra estudar inglês e passear em vancouver durante um mês. ai no dia lá no aeroporto eu conheci um menino, ele tinha 17 anos na época e eu 14, enfim a gnt foi pra viagem junto com o grupo e lá a gnt se aproximou e mto rápido, aí domingo dia 7 no parque de diversões (sim específico pq eu lembro) ele pediu pra ficar comigo, como eu n tinha nd a perder (era o q eu pensava) eu aceitei. ai a gnt passou o resto do dia junto no parque e voltamos pra faculdade q era onde a gnt tava ficando. nesse dia eu n vi mais ele, só fiquei no quarto com minha amiga um pouco arrependida do q eu tinha feito mais ok. no outro dia ele chegou em mim e falou “e aí vai acontecer de novo” e eu lá sem saber da um fora falei q n sabia, ele n se tocou q eu tava tentando dar um fora nele ent continuou falando isso por um tempo. ai a gnt n ficou mas nessa semana mas a gnt ficava tipo andando junto de mão dada e tals, o problema eh q ele era mto ciumento, ele achava q e minha amiga gostava de mim e queria q eu me afastasse dela. como eu n queria isso eu me aproximei mais ainda dela e me afastei mais das minhas outras amigas q tbm eram amigas dele. até q chegou a outra semana eu tava carente tipo mto, ai eu fui depois de uma semana sem falar com ele sentei do lado dele no ônibus e a gnt começou a conversar enfim a gnt ficou de novo e no dia seguinte tbm, pensei q ele tinha parado de ser ciumento mais n, aí me afastei de novo. bom a gnt voltou pro brasil (obs: ele morava em uma cidade do lado da minha). ele falou q ia me ligar um dia lá só q eu n atendi e comecei a ignorar ele, no final do mês ele me mandou msg puto cmg pq eu n tinha atendido eu dei uma desculpa e ele acreditou. porém depois de uma semana eu comecei a sentir mta falta dele, eu lembro de chorar por ele, até na escola, foi horrível, até q eu decidi q eu n queria mesmo ele. passou mais um mês e chegou meu aniversário ele veio falar comigo pelo instagram eu me desculpei a gnt conversou um pouco mais acabou, só q nisso já tava achando q ele era o amor da minha vida e ele era a pessoa certa pra mim. bom ficou por isso até dezembro q ele me falou q ele tinha mudado pra minha cidade pra fazer cursinho. pedi ajuda pra minha amiga pra saber se eu ignoro ou respondo, ent ignorei né. ele n me mandou msg desde ent mas acho q eu vi ele no shopping um dia (eu sou míope n tenho certeza mas td bem). enfim tem dias q eu fico mto carente e sinto falta dele só q lembro q ele me fez sofrer e perder várias amigas minhas, porém isso passa e vem a culpa por ter ignorado pq eu acho melhor falar a real e levar um fora do q ser ignorada. ficou meio grande mas eu até pulei alguns detalhes enfim eu fui a babaca? comentem obg, se n quiser tbm n precisa
edit: eu acabei de postar um update dessa história aki o link se alguém quiser
https://www.reddit.com/TurmaFeira/comments/hqqgw4/update_na_hist%C3%B3ria_eu_sou_a_babaca_por_te?utm_source=share&utm_medium=ios_app&utm_name=iossmf
submitted by bianasciutti to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.05 02:36 Soul11168 SOU BABACA POR ME SENTIR EXCLUIDA PERTO DOS MEUS "AMIGOS"?

Olá Luba sem barba ou Luna, editores, gatas e turminha, tudo bem? nimguém liga mas essa é minha primeira vez aqui no reddit, hoje vim contar a minha "historia" com o meu ex grupinho de amigos. (por favor, vossa voz de menina de 14 anos).
eu tinha lá meu grupinho de melhores amigos formado por mim, karls, varls e barls (o kars e o varls são irmãos) O karls e a barls, se gostam porém não namoram,Isso fez com que eu sempre me sentisse a excluídakk : eles iam pro culto juntos, ela almoçava na casa dele, iam pra escola juntos.. Eles literalmente faziam tudo juntos e nunca me chamavam pra nada, eu sempre ficava vendo as fotos deles juntos que eles postavam e blá blá blá, Até aí tudo bem, eu entendia o amor deles, apoio até hoje e tudo mais. Acontece que pro karls, que na epoca era meu melhor amigo, pra ele eu sempre fui uma segunda opção. Uma vez a gente tinha brigado e ele me disse que sempre quando ele brigava com a barls ele me pedia ajuda e eu sempre resolvia. E literalmente ele só me chamava pra perguntar oque ele poderia fazer pra aliviar a dor dela. Eu fiquei muito magoada com isso, pode ser drama sim, mas me magoou então eu acabei me afastando, Oque mais me deixa magoada é o fato de que eu comecei a namorar uma pessoa que eu tinha "acabado" de conhecer. Primeiro, a barls disse que não gostava muito da pessoa, por 0 motivos ??? Teve um dia que eu fui ver primeiro ele na escola, e no intervalo ela literalmente não quis me ver pq avisaram pra ela que eu tava com ele. Tipo ? desde que eu cheguei naquela escola eu só andava com ela, todos os dias e eu já gostava da pessoa, eu queria ficar com ela também, eu chamei ela pra ela vir ficar com a gente, porque não tava só eu e a pessoa que eu gosto lá, eu sempre fiquei em meio do karls e dela, eu nunca reclamei por falta de atenção ou blá blá blá, eles SEMPRE estavam juntos, eu nunca reclamei por ela estar com ele e não comigo.
O karls, quando soube que eu tava namorando alguém que eu "mal conhecia" me falou coisas como
"tem certeza que vcs se gostam? a quantos meses vcs se conhecem? ele ja falou de vc pra familia dele, e vc ja falou dele pra sua familia?" "eu falo com vc pq é vc que vai se machucar se algo acontecer, vc ta apaixonada pra caramba. imagina, se ele volta com aquela menina? e se ele fica com outra? e se ele da em cima da barls?"
eu fiquei muito magoada depois dessas mensagens, pq tipo, eu tinha acabo de descobrir que o amor era recíproco e ele foi lá e me deixou ?????? tipo, o importante não é se eu e o meu namorado estamos felizes?? se der errado, não era pra acontecer, e vida que segue.
isso tudo ainda acontece, porém eu me afastei bastante do karls, de tanto que eu me magoei com isso eu cheguei a um ponto de não ligar mais pro que ele posta com ela, e blá blá blá.
o importante é que eu to namorando a cinco meses, e ta tudo certo! mas enfim, fui babaca por me distanciar deles, apesar de não me sentir mais confortavel com a presença deles depois de tudo isso?
manda um beijo, sem corona se puder < 3
submitted by Soul11168 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.30 23:36 julx22 Paixonite e assexualidade

Oi, gente! Trago aqui um desabafo.
Estou meio caidinho por uma menina do meu serviço. Coisa besta, coisa de criança. Trabalhamos em setores diferentes, mas sempre que eu chego lá eu passo pelo setor dela para ver se ela está por ali. Ela sorri, eu sorrio. Ela vem no meu setor e me pergunta coisas que ela sabe que eu não sou o mais apto a responder, mas passa lá mesmo assim e me pergunta se eu posso ajudar ela com x ou y. Sorrio e de muito bom grado vou com ela a ajudar. Acho uma gracinha o jeito que ela fala, o jeito que ela anda e a cara dela quando ela vem me 'importunar' (Sempre assim: "Moço, posso te importunar mais uma vezinha? A última!"). Gente, a presença dela me revigora. Acho que é a primeira vez que sinto isso em 19 anos. Nunca tive crush nenhum, nunca namorei, nunca segurei a mão de ninguém romanticamente. E eu não sou incel, não me choro as pitangas, mas simplesmente encaro do seguinte modo. "Nunca comi acarajé, nunca namorei. O dia que eu tiver a chance, se pá que eu agarro" . Desde meus 12 anos meus amigos e colegas me perguntam 'de quem eu gosto', e eu nunca soube responder, pq nunca senti nada além de amizade pelas pessoas. Umas eu acho lindas, me dá vontade de ficar observando elas, de desenhá-las, mas pára aí.
Eu sou um homem bonito, as meninas já deram abertamente encima de mim, mas nunca quis levar adiante. Chegou ao nível de uma delas me convidar para um encontro, mas eu agradeci e falei que não queria. Nunca gostei da ideia de namorar, segurar mãos, beijar, e deus me livre fazer sexo.
Sinto aversão profunda aos pensamentos sexuais e românticos que surgem em minha cabeça. De vez em quando me imagino casando, cuidando de meus filhos, viajando com meu esposo ou minha esposa. Só de imaginar eu saindo com ela e andando de mãos dadas me causa pânico, sinto vontade de enfiar minha cabeça na terra. E se ela quiser sexo? Onde faríamos? O que faríamos depois? E se eu nunca tiver vontade de dar a ela o que ela quer?
Pois vejam: essa belíssima menina pela qual me enamorei. Me sinto mal pensando sobre ela. De certo que se eu tomar a iniciativa e explorar as possibilidades de sairmos para nos conhecer um dia, ela talvez aceite. Mas numa dessas espero intensamente que ela já namore, pois senão começaremos algo que eu não tenho certeza se quero.
Namoraríamos? Será que eu gostaria de segurar a mão dela? Será que eu sacrificaria uma jogatina com meus amigos para ouvir os monólogos da menina? Será que eu teria asco de beijá-la, já que só de pensar nisso tenho aflição? E se ela quiser algo a mais? Como explicar a ela que além de eu sentir aversão e timidez em relação ao sexo, provavelmente não conseguiria nem ficar ereto? Sinto que dar um passo a mais seria alimentar a ela uma esperança de algo que não existe.
Me contento em trocar cordialidades bestas durante o dia, quem sabe tomarmos um lanche. Como amigos, é claro. No dia em que ela estiver triste, que ela se sinta a vontade de me chamar para termos uma conversa franca, um desabafo honesto. Nos meus dias de melancolia, gostaria de poder ligar para ela e contar o que me aflige. Um amor platônico, sem romantismo, sem besteirol.
submitted by julx22 to sexualidade [link] [comments]


Pabllo Vittar - Amor de Que (Official Music Video) - YouTube João Bosco e Gabriel Ft. Humberto e Ronaldo - Alô ex-Amor ... Oração pra fazer a pessoa amada te ligar agora (Ogum ... SIMPATIA AMOR LIGAR, mandar mensagens e pedir pra te ... Raí Saia Rodada - Bebe Vem Me Procurar (Clipe Oficial ... CÓMO LIGAR (En la Prehistoria) - YouTube MUSICA PARA VIBRAR EN LA FRECUENCIA DEL AMOR Y EXITO 432Hz ... Churrasquinho do Menos é Mais - Melhor eu ir/Ligando os ... Abba (Nunca Falla) // TOMATULUGAR Video (Live) Oficial ... Error27, Jamal e Budah - Quando Eu Te Ligar (Prod. Olimpo ...

Chat Amor for Android - APK Download

  1. Pabllo Vittar - Amor de Que (Official Music Video) - YouTube
  2. João Bosco e Gabriel Ft. Humberto e Ronaldo - Alô ex-Amor ...
  3. Oração pra fazer a pessoa amada te ligar agora (Ogum ...
  4. SIMPATIA AMOR LIGAR, mandar mensagens e pedir pra te ...
  5. Raí Saia Rodada - Bebe Vem Me Procurar (Clipe Oficial ...
  6. CÓMO LIGAR (En la Prehistoria) - YouTube
  7. MUSICA PARA VIBRAR EN LA FRECUENCIA DEL AMOR Y EXITO 432Hz ...
  8. Churrasquinho do Menos é Mais - Melhor eu ir/Ligando os ...
  9. Abba (Nunca Falla) // TOMATULUGAR Video (Live) Oficial ...
  10. Error27, Jamal e Budah - Quando Eu Te Ligar (Prod. Olimpo ...

El nunca falla y siempre tiene un lugar en la mesa para cada uno de nosotros. ***Disponible en todas las Plataformas**** Abba (Nunca Falla) (LETRA) Marcos Br... Essa oração é ótima além de ser fácil e dar resultados rápidos, boa sorte! a oração escrita, está no link a seguir: http://magiaproibida.blogspot.com.br/2014... Esse é o clipe oficial da música 'Bebe Vem Me Procurar' do Saia Rodada. Para baixar ou ouvir em todas as plataformas digitais: https://SomLivre.lnk.to/Bebe_e... Churrasquinho do Menos é Mais - Melhor eu ir (Péricles) /Ligando os Fatos(Pique Novo)/Sonho de Amor(Nosso Sentimento)/Deixa eu te querer(Gustavo Lins) Partic... Ouça nas plataformas digitais: https://onerpm.lnk.to/Alo-Ex-Amor Contato para shows: Assessoria: (31) 99347-4296 (Franklin Godinho) Shows: (62) 98252-5240 Si... Vozes - Jamal, Error27 e Budah Letra - Jamal, Error27 e Budah Instrumental - Jamal e Error27 Mixagem e Masterização - Vitinho (UMBeats/Olimpo/ @vitinhoficial... Música de alta vibración y energía positiva para vibrar en la frecuencia del amor y éxito. Música de meditación para elevar tu vibración y aumentar el campo ... (11) 3255-2005 / 2337-5792 / 2867-3397 e 2854-2271 / Tim 9 8194-0444 Vivo 9 7116-8371 Claro 9 8980-0763. Whatsapp (11) 9 4385-8212. Como funcionam meus atend... MI LIBRO: https://goo.gl/BeRm3N Sígueme en twitter: https://twitter.com/AuronPlay Sígueme en facebook: http://www.facebook.com/AuronPlayOficial Contacto: Aur... Vídeoclipe oficial da música 'Amor de Que' da Pabllo Vittar Official music video of the track 'Amor de Que' by Pabllo Vittar Video Oficial, 'Amor de Que'...